Conto de fadas is over!

Volteiii, bando de gente curiosa! Preparem-se para ler o maior texto de suas vidas!

Eu estava tomando coragem pra começar a escrever um post sobre esses dias em que fiquei fora, mas aqui estou… eu, meu broken heart e minha vontade de desabafar! Sério, se eu morrer sem escrever um livro sobre a minha própria vida, não vou pro céu… o cara lá de cima vai falar que não cumpri minha missão na terra e me mandará de volta encarnada num mosquito, sei lá!!! Que medo!!!

Como o título mesmo já diz… foi, como sempre, um conto de fadas. Dá até raiva de lembrar, sabe? Quando lembro de todos os dias, parece mesmo filme… só que sem final feliz, hahaha. Meu inglês continua o mesmo, um gentleman. Abre a porta do carro sem ser forçado, sabe? Abre qualquer porta, na verdade, eu nunca preciso fazer força pra empurrar portas pesadas, hahaha Ele tá sempre na frente abrindo as portas dizendo “after you”. Me sinto Priscila, a rainha do deserto (falo isso toda hora, peguei mania). Não me deixa andar do lado da rua na calçada, pois as mulheres sempre tem que ficar pra dentro “protegidas” pelo homem. Eu sei que eu contando assim parece brega, mas é tão natural dele que eu acho lindo. Nunca ninguém me tratou assim. Ele paga a conta, por mais cara que seja, sem te deixar naquela pressão de se fingir de educada e pedir pra dividir. Acho que se eu falasse isso, seria uma ofensa. Sei lá.

Eu fiquei morrendo de dor no pé por causa do salto depois de horas dançando, toda bêbada, mas ganhei massagem nos pés durante todos os percursos noitada-hotel/noitada-apartamento sem ouvir uma reclamaçãozinha. No Black Friday, entrou em trezentas lojas cheias de gente comigo, carregando minhas sacolas, com a maior naturalidade… e ainda nem ligou de ter que ficar na fila esperando pra pagar. Ainda por cima, se veste bem (não igual americano idiota com aquelas calças largas e tênis de jogar basquete ou carinhas de pólo listrada – não curto -, calça capri ou regata) e usa o melhor perfume do mundo (homem cheiroso MATTERS). Ele sabe apreciar uma boa comida sem ser fresco, sabe? Não é daqueles caras que se entopem de cheeseburger e batata frita, mas também não vive de saladinha e criticando coisas que não são saudáveis. Tão bonito isso num homem. Ele não entende nada de vinho! Acho isso o máximo… odeio homem que entende de vinho, tenho uma COISA, um asquinho, sei lá, sei lá. Ele é normal, gosta de futebol, não me deixa mudar de canal quando o Manchester tá jogando, odeia seriados de menina e filmes de amor, mas curte um monte de músicas que eu gosto e me apresenta outras milhões que super aprendi a gostar. Foda. Quero mais o quê??? Ô vida injusta. Muita gente diz que encontra a pessoa certa na hora errada. Eu encontrei a pessoa certa na VIDA errada, porque pra esse caso não tem mais solução, hahaha! Sad but true!!!

ENFIM!

Quarta-feira a Kainara veio aqui em casa prum playdate, o dia passou super rápido… assim que fiquei off, tomei um banho rapidex e corri pra estação de trem. Deixei meu carro lá estacionado e peguei o trem para o aeroporto… coisa que demora quase duas horas! Se eu pudesse dirigir pra lá, daria 1h, no máximo. Mas não reclamaremos, cheguei sã e salva.

Meu inglês já tava me esperando há uns 30 minutos no aeroporto! Ele ficou me esperando em frente a estação de trem… foi a primeira coisa que eu vi quando coloquei os pés pra fora. Ai que sensação boa :) Pegamos um táxi direto pro hotel (lindo, por sinal), deixamos nossas coisas lá e enquanto ele tomava banho e se trocava, eu tentava falar com minhas amigas pra sairmos juntas, mas parece que um rio perto da casa delas alagou e elas não puderam ir pra Philly. Então fomos só nós dois mesmo… jantamos num restaurante ÓTIMO chamado The Refinery. Pra quem for pra Philly um dia, fica a dica! Depois de lá, fomos pro Kildare’s em Manayunk! Adoro aquele lugar, não poderia ter sido melhor! :)

A quarta-feira antes do Thanksgiving é o dia mais popular do ano aqui nos EUA para as pessoas saírem de casa (minha fofa que me explicou). Então, não importa pra onde você vá, estará lotado e divertido haha E assim foi… bebemos todas, dançamos muito e conversamos também. Pena que a noite em Philly acaba às 2 da manhã. Judiação! Mas tava no limite já… meu salto tava me matando, mal conseguia me mover. Precisei beber vodka pra aguentar o tranco, HAHAHAHA! Joking!

No dia seguinte, acordamos pra passear em Philly, mas tava tudo fechado por causa do feriado. Só paramos pra comer num restaurantezinho bom lá (o único que achamos aberto) e voltamos pro hotel. Ficamos o dia inteirinho sem fazer nada, só vendo porcaria na TV, aqueles reality shows da MTV hahahaha Tem um que passou o dia inteiro chamado “Friends Zone” em que as pessoas se declaram pro melhor amigo! Nossa, só loser!!! Passava mal de rir, foi divertido. E também assistimos uns dois mil e quinhentos episódios de The Fresh Prince of Bel-Air (Um Maluco no Pedaço). Morro com o Carlton!!! Vida boa… sério.

Happy Thanksgiving!!! Quero mais o quê, né? :) Foto tirada com o celular, obviamente… e tava passando Fresh Prince of Bel-Air na TV!

De noite fomos prum cassino!!! Único lugar de lazer aberto no Thanksgiving que eu pude encontrar. Nossa, que lugar de perdição, mas que nos trouxe boas memórias de Vegas. Eu gastei 20 dólares APENAS, sendo que ganhava e perdia, ganhava e perdia… quando perdi de vez, resolvi nem jogar. O inglês manja da roleta! Ele me ensinou tudo quando estávamos em Vegas e fazíamos tours pelos hotéis todas as noites! Magnata! Poderia ter ficado rico, mas não tem muita noção e acabou perdendo tudo hahahaha

Meu bonito tentando ficar rico. Sem sucesso…

Na sexta-feira, acordamos 5h30 da manhã pra pegarmos o trem pra New York. Não escolheeemos esse horário, na verdade era o único que tinha… foi trash, mas o importante foi chegar lá!

Meu Deus… quanta coisa estranha aconteceu depois daqui. O apartamento que a gente ficou era do tio dele, que na verdade não é tio… é primo do pai, ou seja, primo dele de segundo grau que ACHO que ele não via desde criancinha. Parente ASSIIIIM, né… enfim… maior tiozão rock and roll, meu!!! A primeira coisa que vi quando entrei lá foi uma coleção ENORMEEE de vinis, CDs e livros de bandas de rock, com muita ênfase em Rolling Stones e Pink Floyd. Por coincidência, esse dia eu tava com a minha camiseta dos Rolling Stones, certeza que o tio dele gostou de mim!!! Huahuahauhauahua!

Muitos CDs, vinis, livros e… bichinhos de pelúcia?

Mas doesn’t matter… o tio deixou o apartamento pra gente o fim de semana inteiro, pois foi pra casa da namorada que mora em New Jersey. Foi uma situação estranha chegar lá. Ficamos nós dois sentadinhos no sofá conversando com o tio por um pouquinho mais de 1 hora. Nisso, o pai dele ligou e o inglês colocou no viva voz. Aí do nada ele pergunta: “E você tá aí com a sua girlfriend???” ADOREI, meu sogro (cof cof) sabe da minha existência!!! Aí ele: “Sim, ela tá aqui do meu lado ouvindo tudo o que você tá falando…” Aí ele perguntou meu nome e disse que Beatriz é um nome lindo… e disse pra gente aproveitar. Hahahaha! Fiquei tão sem gracinha. Enfim… o tio conversou mais um pouquinho com a gente, explicou como tudo funcionava no apartamento, nos deu a chave e se mandou.

Pausa.

O apartamento era SUPER, SUUUUUPER old school. Nunca vi nada igual. Era tudo muito esquisito… tinha muito objeto, muita tranqueira, umas decorações mega weird!!! O chuveiro era, na verdade, uma banheira, que pra você entrar tinha que tirar uma tábua de cima e subir numa escadinha de plástico mega apertada. A privada ficava “sozinha” dentro do quarto atrás de uma portinha (que fachava com trinco, benzadeus) meio que no alto! A iluminação desse lugar onde ficava a privada eram luzinhas de natal (que não foram colocadas ali por causa do natal, acreditem)… atrás da privada (onde fica a descarga) tinha uma cabeça de ET de isopor MEGA macabra!!! Primeira vez que fiz xixi e virei pra tocar a descarga, dei um berro!!! O inglês veio correndo ver o que tava acontecendo e eu saí raxando o bico segurando a cabeça do ET!!! HAHAHAHA Sério, inacreditável.

Essa foto ficou uma bosta, mas dá pra ter uma ideia do banheiro?! Quando acendia as luzinhas, iluminavam os olhos dessa gueixa aí, hahaha E logo atrás estava a privada e o ET. Scary.

Cada dia a gente descobria uma coisa diferente e bizarra no apartamento… tipo de noite o aquecedor fazia uma barulho como se fosse gás vazando, sabe? Eu acordava morrendo de medo de que o apartamento explodisse, hahahahahahaha Fora que tudo isso ficava no quinto andar do prédio, que obviamente não tinha elevador… todo dia era um ótimo workout, viu. Ahhhhh… e os 374239874932 gatinhos de pelúcia e escovas de pentear gato que serviam de decoração?? JESUS!!! Dava medo. Mas curtimos a aventura… até que… (peraí, vocês já vão entender…)

Bom, depois que o tio foi embora, fomos fazer amizade com o terrível e confuso metrô de NY pra chegarmos até a Times Square e passear por aquelas bandas. Andamos o dia inteiro, tava muito insano, muita gente se trombando… insuportável… e eu só queria uma coisa: MINHA CÂMERA.

A B&H foi nossa primeira parada, pois eu não sossegaria até comprar a maldita, hahaha E assim eu fiz :) Pegamos mil filas dentro da loja, tava parecendo um formigueiro em festa… mas pelo menos consegui o que queria. Eu saí saltitando, parecia uma retardada!!! Resolvemos sentar num lugar pra comer e pra abrir a caixa, porque eu já queria sair por aí clicando tudo. Isso resultou em quase 2 mil fotos em 2 dias em NY, sendo que cerca de 1700 são do inglês top model, né. Coitado, não sei como ele não me socou. Tem coisa mais irritante do que alguém atrás de você com uma câmera fotografando todos seus movimentos?! Quando eu digo todos, são TODOS, hahaha Mas fiquei feliz :)

Eu com a minha bonita :) Essa foto foi o inglês que tirou, não é um espelho, tá? hahaha

Foto de celular FAIL. Já que sei que vão perguntar, é uma Nikon 3100. E vocês já sabem que não falo preço das coisas que eu compro, então por favor, não perguntem :) Grata!!!

Depois da minha conquista, passemos na insuportável Times Square e conseguimos comprar os ingressos pro show da Broadway que eu tanto queria ver!!!!!!!!!! ROCK OF AGES!!!!!!!!!! Sério, melhor decisão que já tomei na vida, tenho certeza que é melhor que o Rei Leão hahahahahaha Eu pirei em cada segundo, só tocaram músicas que eu gostava… Whitesnake, Bon Jovi, Mr. Big, Extreme, Journey!!! As pessoas ao meu redor deviam sentir vergonha da minha pessoa, mas eu não tava nem aí. Rock and roll me tira do corpo e eu fui ao delírio!!! Foram 2h30 de show… lindo, super engraçado… sei lá, super recomendo!!!

Sensacional!!!

Quando entramos no teatro, nos deram uns folders com anúncios e tal… e um deles era de uma casa noturna ali perto que só tocava música dos anos 80, super no clima do show. Resolvemos ir pra lá depois! Era cedo quando chegamos, mas já curti logo de cara! As paredes eram todas pintadas de tinta neon e só tinha luz negra… tudo muito psicodélico! As paredes tinham imagens de video games e de filmes antigos e clássicos tipo Footloose!!! E tinha uma TV passando Curtindo a Vida Adoidado… muito melhor do que jogo de beisebol hahaha

O dancefloor era AMAZING gente!!! Era aqueles de discoteca dos anos 80 mesmo… mudando de cor e tal… o bar todo temático, os drinks com nomes de bandas… pirei, pirei, pirei. E mais vodka and orange pra nóis!!!

Não bebam, gente! Evitem esse tipo de desgosto pros seus pais!

No começo só tinha véio figuraça na pista, parecia festa de casamento quando seus tios/pais/conhecidos dos pais bebem a mais e se jogam no Whisky a Gogo by Roupa Nova, hahahaha Mas depois uma juventude descolada começou a cheger e perdi a timidez. O inglês ficou só assistindo por um tempo tomando um drink bizarro de jelly lá… mas depois super entrou no clima! Como eu adoro homem que dança, sabe!!! Mas não dança escrotamente, tipo… dança mesmo, enjoy a música com você, esquece do mundo… noite perfeita… quer dizer… QUASE!

Saímos de lá mais loucos que o batman, passamos num Domino’s pizza pra pegar algo pra comer (coisa que demorou uma eternidade)… eu andando de meia na rua, segurando meu sapato na mão, hahahahaha Fim de festa total. E bora subir 5 andares!!! Ele até me levou de cavalinho na rua (olha o estado), mas na escada apertada lá não dava, muito arriscado.

MANO, aíííííí… ficamos 2 horas (juro) tentando abrir a porta do apartamento!!!!!!!!!!! Não dava de jeito nenhum. Não sabia se tava emperrada ou se fizemos cagada… porque tinham dois trincos, sabe… e sei lá, eu lembro do tio dele falando que tínhamos que abrir o de cima primeiro e depois o de baixo… assim fizemos. E nada. Tava quase saindo pele do meu dedo de tanto virar a chave… foi um dos piores momentos da minha vida (agora eu acho engraçado, mas na hora foi foda). Eu sentei no chão, comi uns pedaços de pizza… levantei, tentei abrir a porta mais umas vezes… sem sucesso. Aí achamos um telefone de um chaveiro 24h (tava grudado na porta!!! Ou seja… provavelmente o tio dele já passou por isso algumas vezes) e ligamos… enquanto o inglês esperava o cara lá no primeiro andar, eu fiz a caixa de pizza de travesseiro e dormir bêbada e de meia no corredor do prédio!!! HUAHUAHUAHUAHUAHUHAU SENTE O GRAU DA NOITADA!!! Só lembro do inglês passando por lá toda hora falando “odeio nova york, odeio esse apartamento” e dava uns chutões na porta… hahaha e eu lá parecendo mendiga!

Enfim, o chaveiro chegou e abriu a porta em 5 minutão!!! Ele falou que esses apartamentos antigos são assim mesmo… tá acostumado, né. Acho que vou ser chaveira em NY, deve ter muita procura! Não me conform que o cara abriu tão rápido. Nos sentimos os seremos humanos mais burros da terra! E ainda tivemos que pagar 45 bucks pro cara só pela “visita” às 4 e tantas da manhã… FUEDA!!!

Mas depois que entramos no ap tudo ficou bem. Eu dei uma choradinha de bêbada falando “essa porta idiota estragou a noite, buáááá” hahahahahahaha aí ele me consolava falando que o show foi ótimo, que comprei minha câmera, que dançamos todas num lugar legal… não seria um porta burra que estragaria um dia tão bom! Aí eu fiquei bem!!! Ai que mico, gente, me internem!!!

Sábado dedicamos o dia para passeios turísticos, o que hoje me arrependo completamente… hahaha O feriado do thanksgiving é o pior pra ir pra NY, pois é MUITO CHEIO de gente. Acordamos 1 da tarde, de ressaca, pra andar o dia inteiro… ainda bem que não tava calor!!! Fomos no Central Park, pois era pertinho do “nosso” apartamento e mais uma aventura começou aí…

Passeamos, tirei 29298423 fotos e depois resolvemos sentar numa pedra alta pra observar o povo… aí apontei a câmera pra nós dois na tentativa de tirar uma foto nossa bonitinha com o Central Park ao fundo… NISSO, um carinha ao longe começou a bater boca com meu inglês e eu tava tão distraída com a câmera que nem tchum pro que tava acontecendo!!!

Primeiro de tudo: na verdade era um casal de homossexuais com dois cachorros usando sapatinhos e roupinhas. Gente, alô… eu não tenho absolutamente nada contra homossexuais, amo eles, amigo gay é tudo na vida… mas inimigo gay é a pior coisa que você pode arrumar!!! E arrumamos um!!! O cara começou a gritar com a gente falando: “Se você ousar tirar uma foto minha, vou aí quebrar sua câmera, tá entendendo???” Aí eu me dei conta que ele tava pensando que eu tava tirando foto dele, do namorado e dos cachorros esquisitos… ah meu!!! Primeiro que a câmera tava apontada pra GENTE, nem tinha me tocado que essse povo tava lá.

Enfim, o inglês ficou nervoso, ainda mais porque eu fiquei muito tensa, não soube como reagir… aí ele começou a responder pro cara… imaginem!!! Eu botava a mão na boca dele e implorava pra gente sair dali. Ele só falava que ia lá socar o nego, americano grosso idiota e patético!!! Aí controlei a situação… até que o nego vira e fala de boca cheia: “E vê se volta praquela merda de Inglaterra da onde você veio!!!” AAAH MANO, vai falar mal da Inglaterra pro cara que serve o exército do país?!?!?!?!?! Quase fingi um desmaio na hora, mas em vez disso, deixei o inglês xingando e fui puxando ele pra fora do parque TREMENDO!!! Ele se acalmou em 30 segundos, mas não parou de repetir que eu deveria ter deixado ele ir lá dar umas porradas pra largar mão de ser egocêntrico! E eu deveria ter deixado mesmo… acabou com meu dia no Central Park. Mas ok, a gente supera.

Depois de lá, resolvemos arriscar o metrô novamente pra visitarmos o Empire State Building. Como vocês sabem, NY é uma cidade minúscula, por isso, encontrei a Mari Mello e a Laís passeando pelo Central Park quando eu tava saindo de lá!!! SÉRIO, que mundo pequeno. A gente nem combinou… acho que nos abraçamos umas 10 vezes na emoção do momento, hahahahahahaha Isso porque nos vimos há algumas semaninhas atrás, né? Mas saudade já reina!

Mari, Eu e Laís :)

Ela me explicou como chegar no Empire State de metrô (nada como gente LOCAL, sabe) e lá fomos nós. Oh my… que arrependimento. Muita gente. Muita fila. Pra que? Pra nada… tá, pra dar o “checked”, nada mais. As vistas dos prédios de Chicago são BEM mais lindas e os prédios são mais altos! Super não valeu a pena… mas pelo menos conseguimos desconto de militar (ou hero discount, como ele chama) porque o inglês é soldado. Tudo bem que o desconto foi só de 2 dólares cada, mas ninguém precisa saber dessa parte!!! Huahuahua! Ficamos uns 10 minutos lá, já irritados… tiramos umas fotos e tchum. Bora.

Hero discount, hahahaha

Vista do Empire State. Bonitinha, né? Mas a de Chicago é melhor, juro!

Ainda queríamos visitar a Estátua da Liberdade, que era lá na pqp… por isso, paramos pra jantar no Ayza, um dos melhores restaurantes que já fui na vida. Na verdade é um lugar especializado em vinhos e chocolate, mas of course vendem outras coisas. Nossa, comi tão bem!!! TÃO BEM. E o lugar era tão aconchegante… tocava música brasileira o tempo todo, tipo Marisa Monte, Cássia Eller… me senti em casa! Foi uma delícia :) Recuperei as energias.

Ai que saudade!

Enfrentamos o metrô de novo e ficamos sabendo que as visitas até a estátua fecham às 4h da tarde, então só pegamos o ferry em Staten Island pra aprecisar a vista. Valeu a pena, foi bem legal… só seria melhor se a gente não tive tão cansado com a maré de azar na cabeça desde o ocorrido com a porta!!! hahaha

Voltando pra “casa”, passamos no Domino’s de novo, pegamos a mesma pizza da noite anterior e um engradado de Coronas… passamos o resto da noite jogados no sofa, meio acordando, meio dormindo… bebendo, comendo e vendo TV. Foi ótimo, tava precisando de uma noite preguiçosa, hahaha

Domingo foi o dia mais tenso do universo. Dia de ir embora. Pegamos o ônibus de NY pra Philadelphia, o que demorou trocentos anos… eu fiquei deprê o caminho inteiro. Minhas amigas me ligavam e eu nem conseguia falar que já começava a chorar, aí desligava pra não dar bandeira, né. E foi assim. Eu precisava pegar o trem pra minha casa e o inglês um táxi pro aeroporto, pois o vôo dele seria em pouco tempo…

Só lembro que a gente se abraçou por uns 30 minutos na estação de trem, foi a maior choradeira (da minha parte, óbvio). Ai gente, minha família deve estar lendo isso aqui e rindo da minha cara, do meu jeito dramática e intensa de ser e me achando maior idiota, mas sejam piedosos!!! Foi foda. Eu nunca disse “good bye” pra sempre pra alguém que eu gosto tanto… ou então sem previsão nenhuma de ver de novo, sabe?

Eu confesso que não esperava reagir assim, pois eu até que tava com os pés no chão, toda durona, apenas “curtindo o momento”. Tá, eu me apeguei, mas achei que fosse menos… quando vi que ele tava indo embora mesmo e dessa vez FOR GOOD, doeu bastantão… :( Falei altas coisas bregas, nossa, que vergonha de mim 2 dias depois!!! Mas acho que tive que falar… foi a primeira vez que falei de sentimento com aquele ser e ele precisava ouvir, largar mão de ser heartless, sabe??? Enfim, foi terrível… ele tinha que ir embora por causa do vôo e eu ainda tinha 40 minutos de espera pelo meu trem na estação!!!

Ele foi… e eu fiquei lá desolada com as minhas malas e minha câmera nova. Chorei igual criança, até solucei… tava com medo das pessoas passarem por mim e deixarem moedinhas, sabe??????? Me senti assim!!!! Aí pensei “Mano, como vou pra casa desse jeito??? Preciso aliviar!!!” E pra quem você liga nessas horas? Pras susas trutas!!! Kainara Mello, meu bem… posso ir pra sua casa saindo daqui? Tô destruída, devastada e solitária HAHAHAHAHA ai que brega eu!!!

Quando eu ainda tava no trem, o inglês me mandou uma mensagem no celular… disse que queria muito que as coisas fossem diferentes, que não imaginava que fosse acontecer tudo que aconteceu entre a gente. Pediu desculpas e disse várias coisas lindas e sentimentais, coisas que nunca vi acontecer vindo dessa pessoa! Aí eu respondi dizendo que não era culpa de ninguém, que ele nunca me iludiu dizendo que seria diferente… nunca mentiu sobre nada que eu perguntei, por mais que a verdade doesse. Foi tudo acontecendo e uma hora saiu do controle… no começo a gente era só uma diversãozinha de Vegas, depois um virou parte da vida do outro… nos falamos todos os dias, mesmo com fuso horário de 6 horas de diferença. Contamos tudo um pro outro… dá aquela necessidade de compartilhar, sabe? De saber como foi o dia, de se preocupar, de ligar bêbado de sábado à noite pra falar mal das baladas americanas e dos americanos em geral… sei lá, não foi só uma diversãozinha, a gente demorou pra se dar conta que virou tudo isso!!! E aí deu merda!!! Por isso gente… se acontecer algo em Vegas, deixem lá. Sigam o lema what happens in vegas stays in vegas! Não façam virar uma história de amor FAIL como a minha. Aprendam com a merda alheia!!!

Aí fui pra casa da Kainara, chorei as pitangas, mas também ri um monte… amigas são pra cheer up mesmo! Adorei. Quando fui pra casa, virei todas as fotos dele ao contrário pra não ficar olhando hahahaha Ai que coisa de 5a série, né… mas quem nunca fez isso?????? Aí ele me mandou uma mensagem logo depois dizendo que chegou bem e que queria saber como eu tava… eu disse que ficaria ok e tal. Ai cêis acha… o menino perguntou se eu queria que ele parasse de falar comigo, pois ele entenderia se eu quisesse distância! Dei uma bronca… claro que não!!! Essas coisas não ajudam… tem que ser natural, não cortar relações definitivas, né? Aí ele disse que nunca quer parar de falar comigo e que vai manter assim até eu mudar de ideia… se eu mudar. E depois entrou numas de que eu vou encontrar alguém melhor e todas aquelas breguices. Ai veio… se pá existe alguém melhor mesmo, mas homem não entende que quando a gente tá apaixonada a gente acha que só tem essa pessoa no mundo, sabe!!! Nem pelo Brad Pitt pelado eu trocaria!!! Mas enfim… shit happens.

Depois acho que ele se arrependeu, porque eu acabei contando no calor da emoção que tive um date com um americano (depois eu conto isso, maior baf0), mas que foi sem graça porque ele come mac and cheese e peanut butter!!! Aí ele disse que ficou com ciúme, mas que sabe que isso vai acontecer porque eu sou linda, inteligente e minha vida é o máximo… e tb que falo duas línguas e meia (meia = francês) e que ele é só um soldado estúpido!!! hahaha AI SABEEEE, vai cagar!!!!!! Não se subestime pra mim! Eu tenho bom gosto pra homem!!!!!

Aí agora as coisas estão melhores… estamos nos falando normalmente, já virei as fotos dele de volta… e ele tá super descobrindo que não é uma pedra, mas um ser humano com sentimentos. Tá todo sofrendinho!!! Eu não tô feliz por isso, porque também tô sofrendinho… mas pelo menos me sinto menos estúpida porque estamos na mesma situação! Agora é esperar pra ver… Ô VIDA!!!

Eu sei que todo mundo vai comentar aí falando: “Aii Biaaa, que lindo, mas quem sabe no futuro néé??? Nunca se sabe!!! Amor de verdade não morre assim!!!!!”

Não comentem essas merdinhas, please!!!!! Eu não vou ficar contando com o futuro porque vou me dar mal… e também porque essa é uma paixonitezinha, já estive em situação ruim antes e superei, sabe?! Eu sou uma pessoa intensa, sofroooooooo, chorooooo, essa sou eu! Vivo intensamente hahahaha Quando to feliz, sou mais feliz que pobre ganhando na mega sena e apostando em cavalo, sabe!!! Mas quando to triste, sou o caos da depressão! Minha mãe sabe! DRAMA QUEEN! Logo, logo arrumo outra boa história e outro bonitão pra me apaixonar e sofrer!!!

E essa que vos fala agora está sofrendo, mas pronta pra outra ao mesmo tempo! Vida é curta minha gente!!! Vamos viver… o futuro a deus pertence (não sou religiosa, mas quero dizer com essa expressão que o futuro tá fora do nosso controle, não adianta ficar com esperançazinha idiota)… O que hoje parece super importante, daqui 5 anos vai parecer muito idiota. É sempre assim. Acho os probleminhas que tive com meu ex namorado de 4 anos atrás maior babacas, mas na época me deixavam sem dormir e sem comer, chorando as pitangas pra minha mãe!!! E assim a vida é…

CHICO XAVIER.

Me afogo nas minhas próprias filosofias, hehehehehe.

Aposto que NINGUÉM leu o post até aqui sem pular paráfrago!!!

Beijo e boa semana pra quem fica!!! Ah, depois vou atualizar esse post com fotos… se quiserem voltar depois pra ver, ok. É porque tô com MUITA preguiça de colocar agora. Preciso assistir Grey’s Anatomy.


Comentários

Comentários

99 Comments

  1. Emily   •  

    Biaaa, tava super esperando seu post, e…. OMG !!!( tá, odeio essa expressão mas foi a única que pensei lendo td isso!)

    Me diverti horrores lendo TUDO ! E me identifiquei com algumas partes de NY como Times Square lotadassa, a pedra alta do Central Park, Ferry (mas peguei pra não pagar msm!)….enfim, gostei de NY mas é um caos mesmo!

    Adorei que vc contou toda essa experiência com o inglês e terminou BEM realista! rsrs Odeio nheim nheim nheim de gente que vai casar com o primeiro amor da vida (vide que estou noiva, anyway……)

    É isso, continue sempre assim e posta sempre! É uma bela distração qnd o mais interessante na tv é cupcake wars !!! hahah

    Beijos!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      OMG faz parte, eu adoro, falo isso toda hora hahahahahahahaha
      Adorei seu comentário! Eu fui realista, mas no meu coraçãozinho bicha aqui to toda imaginando eu me casando com o ingles, o exercito britanico tocando corneta… huhuahuahuahuahua ai que brega!

    • Ana Clara   •  

      Olá Beatriz…
      Estava vendo uns topcos do seu blog e achei legal sua vida aqui =D
      Mass, ñ concordo com a dica do seu ex referente a viajar namorando… tb sou Au Pair e estou aqui a quase 1 ano, vim namorando, na época MTO dificil, mas deixei a livre harbitrio dele escolher sobre o namoro, bom, ele disse q não queria terminar, e eu, tb ñ, deixei claro q minha intenção em viajar seria para estudar, conhecer culturas, pessoas e melhorar o inglês, mas ñ arranjar namorado, CLARO essas coisas acontecem, por isso deixei claro q após 8 anos de namoro temos maturidade o suficiente para contar um ao outro caso algo aconteça (traição), caso ñ conte, a consciencia é de cada um….. enfim… antes de vir meu namorado era bem…. digamos, “lento” pra certas atitudes… como casamento, planos futuros por exemplo…poha 8 anos, fala serio né, mas nunca forçei… após a viagem, a saudade aumentou, o amor tb… por fim, com certeza assim q voltar juntaremos nossos trapinhos… gente isso é relativo, BUT se o amor prevalece, pode vir namorando q só vai melhorar sua relação e o valor q ele te dá… mesmo pq, ñ vale mto a pena, já q os americanos são mega frios, LENTOS PÁ CACETE e sem o calor de um brasileiritcho!! bjossss

      • Beatriz Morgado   •     Author

        Oi, Ana Clara!
        Como eu sempre comento, acho que cada caso é um caso mesmo… só expressei minha opinião baseada na minha própria experiência, assim como fez meu ex-namorado.
        Você namora há 8 anos, não há 1 ou 2… quem fica todo esse tempo junto, tem planos! Claro que é diferente. Quando tomei a decisão de vir pros EUA, meu ex namorado nem era namorado ainda! rs
        Vc tá certa. Boa sorte :)

  2. Giovanna   •  

    I don´t think your fairy tale is over, but…. I won´t say anything ok hehehe

    Maas deixa falar!? Que liiiiiiiiiiiiiiiiindoooo!!! Fico feliz por vcs terem se encontrado.

    E que legaaal vc encontrar a Mary. Que mundo pequeno hein. Começamos a nos falar no grupo de au pair e depois ela me add no face, nos falamos as vezes, aí fui ver que ela é a Mari do post da Philly (como vcs chamam) kkkkkkkkkkkkkk Super gente boa e parece ser suuper animada com eu sou e como vc parece ser. Meu, da vontade de viajar com vc qndo vc vai narrando os finais de semana hehehe… Muito bom! Eu ia me divertir! BTW espero que vc e o Inglês continuem se falando pra sempre hehehe… vai que um dia né!? Vai que vc casa e vai morar na inglaterra!? Aiin mas deus me livre ficar esperando voltar da guerra ou de algumas missões… ele vai pra guerra!? Não né?! Se fosse americano iria, mas na Europa é mais de boa com isso né, eles são mais da paz! (falei mta merda? hahaha… não vou fazer de conta que sou entendida do assunto haha…) Olha a perdida falando aqui hahaaha… Espero que guerra não né!? Mas muito linda a história de vcs!

    E vc teve bons motivos pra não postar fotos, está perdoada kkkkk (Detalhe o blog é seu né, faz o que quer hahahaha…) Grey’s Anatomy é sempre um ótimo motivo pra deixar de fazer algo, eu aaamo… Engraçado que ontem antes de dar o horário de assistir greys eu estava relembrando as temporadas passadas e com uma saudade (Depois conto do que pra n perder a graça pra vc, se um dia tiver curiosidade me lenbra que te falo) e pensei, nossa podia tanto acontecer isso isso e isso e os doiiis desejos foram realizados em um só episódio. Nossa toda hora que eu acontecia eu falava “nãããããão!” “Nãão creeeio” kkkkkkkkkkkkkk parecia ALOKA falando sozinha.

    Tudo de bom por aí.

    Quando eu estiver aí ve se anima de ir passarr pela Georgia (sei q nunca esta nos planos de ngm hahaha… parece que a Georgia é um estado meio esquecido, mas vi que tem bastante au pairs por lá e mta cosia pra fazer) Lá tem Atlanta que foi onde aconteceu as Olimpiadas, lmebra? Olimpiadas de Atlanta! E olha que animaaaal. Meu amigo daqui do Brasil, mesma ciadae que eu, nos conhecemos aaaanos, vai de au pair tbm, deve embarcar no mesmo dia que eu, e aidna vai morar em Atlanta, a 1h da cidade que vou morar (Athens) To mega feliiiiz….

    Olha eu aqui empolgada AGAIN falando da minha vida hahahaha….

    Boa sorte com tudo na sua vida :)

    Espero que a história com seu amor inglês renda muuuita coisa boa viu!

    Beeeeijos

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Eu tenho uma amiga que morou em Atlanta, lá parece ser bem legal!!! O problema é que não vou querer te visitar com 9 kids, huAHUHUAHUAHUAHUAUHAA to brincando!!!
      Muito obrigada pelo comentário e pelo apoio :D
      Beijão!!!

      • Giovanna   •  

        Nossa por um momento eu li que morreu em atlantaq, que susto hehehe…..

        E que horrooooor Bia kkkkkkkkkkkkkkkkkkk qual o problema em ser 9 !? hauehauhae…. Só um detalhe, nos meus dias OFF to caindo pra fora da casa, quero ir pra atlanta, pras cidades mais próximas e viajar pra mais longe quando for possivel. Seu blog me fez ter vontade de conhecer a Philly!! Mas de qq forma, mesmo com a sua desfeita kkkkkkkkkkkkk OLHA O DRAMA, vc está convidada, e olha que no grupo um monte de gente que jpa está lá falou que ta doido pra ir me visitar e ver tudo de perto hahahaha…. Acho q ngm acredita que os dois loucos tem 9 :)

        Beeijos

  3. Mary Mello   •  

    Post gigante = Comment gigante! E ai de você se reclamar…

    Bom, primeiramente eu não pensei em momento algum em dizer “Ah Bia, vai dar certo” e todo aquele blá blá blá. Justamente pelo que você falou. Desde o princípio vocês dois sabiam que tinham meio que uma data de validade e você é forte, supera essa dorzinha (mais pra frente vc vai ver é inha mesmo) e tá em outra! To mentindo?

    Você é que nem eu mermão: é pra rir então vamos deitar no chão e rolar de dar risada, é pra chorar vamos inundar a casa e haja lencinho de papel pra dar conta do recado. Tá mais que certa mesmo. A vida é um só e curta demais, viva intensamente mesmo! Melhor do que viver de pouquinho e depois olhar pra trás e se arrepender.

    NY lotada? Todo fds filha. Times no sábado? NEM FODENDO. Inferno de lugar mesmo! Nem quero ver agora com a proximidade do Natal… ¬¬ MAS eu não posso fazer nada que esse lugar é a paixão da minha vida. Você viu que mesmo ENORME de grande, essa minha city magnânima arrumou um jeito de nos fazer encontrar! Quer prova de amor maior? NY RULES.

    Ah, ROLEI DE RIR e parei por uns 5 minutos pra tomar fôlego quando li do ET no banheiro… JURO! Fiquei imaginando a cena e sei como a senhorita é né!? hahahaha

    O lance da porta também deve ter sido hilário.

    Xuxu da minha vida, é isso. O tempo passa, as situações acontecem e nada é por acaso, e isso eu digo por experiência. I’m sorry, mas vocês não se conheceram por acaso. Não me mata por dizer isso. Não to querendo dizer que vocês vão se encontrar um dia, casar e ter um happy ending, nem to dizendo o contrário. Só estou tentando te mostrar que pra alguma coisa toda essa situação vai servir. Ainda não sabemos pra quê, qual a finalidade disso tudo, mas alguma lição vai te dar…

    Ah, podexá que eu sou mestre em aprender com a merda alheia tá! E por falar em se meter em confusão amorosa, to precisando te deixar a par da minha situação… Medinho de estar me metendo num conflito de interesses futuro! Mas o blog é seu, a história é sua e não minha…

    Se cuida bonitona! Te vejo no New Year’s Eve que eu ainda não decidi o roteiro, nice né!? CARAIO falei demais, são 1h30 da manhã e eu aqui nesse digita digita digita, como se não tivesse que acordar cedo amanhã! ;D

    Beijos xuxuzão!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      OIIII MEU AMOOOOORRRRRRRRRRR

      Você é minha única amiga que viu meu inglês de perto hahahahaha Pena que foi rápido. Enfim… thanks pelo comentário realista! Você me entende de verdade :)
      Ainda temos bastante tempo pela frente aqui, vamo que vamo!

      Te vejo em breve pra gente se meter em mais aventuras. We rock together!
      te amo!!!

  4. Aline Gonzalez   •  

    OMG! hahahahahaha mew, li todos os paragrafos com a maior empolgação.. e tava super tensa esperando pra saber como foi o feriado! hahahahaha atualizei seu blog varias vezes no trabalho ontem (si pa to precisando trabalhar mais hahaha)

    tô esperando essa semana só pra ficar on line e começar a falar com as familias (tô pouco ansiosa), e preciso manter meu foco. E suas historias super me incentivam..

    Vou lendo suas “aventuras” e imaginando como vai ser o ano que vem.. espero passar por tudo isso e mais um pouco.

    Leio uns blogs de umas au pair tããão desanimadas, e é muito bom saber que realmente da pra se divertir MUITO, e ter muitas historias pra contar quando voltar!

    Eu atéé ia comentar, poxa quem sabe um dia.. Mais no fundo agente sabe que tem coisas que não tem como dar certo, por melhor que sejam. Então encara isso como uma coisa que era perfeita, pro momento perfeito. Com certeza ele tornou sua viagem mais especial… =)

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Com certeza ele tornou minha experiência aqui ainda melhor, mesmo que tenha acabado… faz parte, né???
      Beijão, Aline! E continue se empolgando! Eu tb sou uma Au Pair desanimada, mas quando me animo, sou a mais animada do mundo! hahaha Acontece!!!

  5. Jaqueline Lima   •  

    Eu aquiii o/

    Li o post inteirinho sem pular nada nada..

    Ouuun Biaaa que coisinhas liinda essa sua história de amor!

    É tarde pra falar aproveita rs.. vc eh espertinha e ja aproveitou.!

    Mais tudo tem seu tempo.. não se iluda mais se for pra ser será!

    Boa sorte Bia!

  6. Aline   •  

    Biaa, primeiro de tudo pode ter certeza que li tudo sem pular um parágrafo! rsrs
    É a primeira vez que comento aqui, mas o seu blog eu já li de cabo a rabo :)
    Adoro todas as suas histórias e dicas para sobreviver na terra do Tio Sam, e se Deus quiser ano que vem estou ai também nessa vida auperiana…
    E meeu super bacana seus ultimos casos hahah
    Só digo uma coisa: Viva tudo o que tiver que viver, não se prive e não se culpe de ter certos sentimentos :)
    E é isso ai!
    Uma boa semana pra vc,
    Beijos.

    • Beatriz Morgado   •     Author

      AEEEE obrigada por ler tudooo!!! Fiquei feliz com a quantidade de comments que recebi em menos de 24h hahaha
      Boa sorte no seu processo, espero que venha pra cá ano que vem tb.
      Beijo!

  7. Carol   •  

    Biaaaaaaaaaa que post lindo! Relaxa que nós mulheres somos SOFREDORAS mesmo, em fim é a vida! Mas o que tiver de ser vai ser e se caso um Brad Pitt aparecer vai fundo! HAHAHAHA beeijos

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Huhauahuahauha! A gente se fode mas se diverte. Esse é o lema :P
      Obrigada, Carol!

  8. Gabi Santos   •  

    Posso falar? Posso falar? VC ESTÁ CERTISSIMA, Bia! (prometo que é a unica coisa que falo sobre o seu romance…rsrs)

    Agora sobre as suas aventuras americanas: ANIMAL MEWWW! Acho que esse foi o seu melhor post aqui, serião.. deu pra se imaginar em todos os lugares citados e na agonia da porta (a melhor..rsrs)

    E tenho uma idéia pro seu livro: Faça um compilation do blog (com algumas adaptações obvio), mande para uma editora e fim… eu vou no dia da estreia só pra pegar o seu autografo (promessa!!! hahahaha)!!!!!

    E aproveitando o meu comentário aqui: Qual foi a camera que vc comprou? Valeu a pena o precinho?

    E estamos no aguardo das fotos, com certeza (mesmo que não tenha as do seu ingles..rsrs)

    Bjos e FORÇA NA PERUCA!

    • Beatriz   •     Author

      Obrigada, Gabiiiiiiiiii! E o livro vai ser mais ou menos isso mesmo… só que vou ter que sintetizar, vai ficar gigante!!! :P

      Eu comprei uma Nikon 3100, é muito boa… e bem cara! rsrs Mas eu tava juntando dinheiro há séculos pq queria muito!

      Depois tento postar algumas fotos!
      Beijão!

  9. Nil   •  

    Nossa bia, do jeito q vc escreveu, realmente pareceu coisa de filme !! …. mas a vida é assiimm, amores que vem e vão, assim como amigos, trabalhos e bla bla bla…

    Acho ótimo viver intensamente cada momento, com certeza se curte muito mais as coisas, os momentos, as pequenas coisas mesmo !!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Minha vida é engraçada vista pelos outros, adoro isso HUAHUAHUA!

  10. Nicole   •  

    “Aii Biaaa, que lindo, mas quem sabe no futuro néé??? Nunca se sabe!!! Amor de verdade não morre assim!!!!!” kkkkkkk Mew.. vc não tem idéia de como eu curti este post!

    Pretendo ir pros EUA em Agosto de 2012 e super quero conhecer essa pessoinha que vive e escreve com tanta profundidade sobre a LIFE! rsrsrs

    Fico aqui na espera pelo próx capítulo desta novela chamada vida e torcendo pra um dia vc reencontrar teu ingles fofo!!!

    Bjk

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Em Agosto ainda estarei aquiiiii, let me know!!!
      Beijão e super obrigada pelo apoio :D

  11. JESSICA COELHO   •  

    SENSACIONAL…
    Não o fato da história ter acabado e você estar triste, é claro! Mas, a experiência que vc viveu, a pessoa que vc conheceu e tudo de bom que vcs passaram, e as coisas tristes tbm (que acabam virando piada) hahaha Estou aguardando o embarque (janeiro, dia 8) e acompanho tooda a sua trajetória desde que vc comecou com um blog antes desse e depois passou para esse.. mas, acho que nunca consegui comentar (sou uma mula) hahaha Quando acabei de ler tooooodo o post (não pulei nem uma palavra) voltei lá num dos seus post antigos falando sobre a expectativa.. pré-embarque.. enfim, quando que vc imaginaria uma coisa dessas? Gracas ao seu blog (meu pai te viu no aeroporto com a camisa do AU Pair) minha família realmente comecou a ver que ser Au Pair não era tráfico de mulheres ou venda de órgãos hahaha Estou num suuper romance com um americano, ontem passamos quase 4h no skype (falamos antes do almoco, a tarde e a noite! e tipo, ele é tuuudo, mas mora um pouquinho longe da minha cidade (umas 4h, nem é tão longe.. mas já dá pra perceber que é impossível se ver na semana.. ) e mesmo que eu quebre a cara.. quero muito viver tuudo que me aguarda!! Espero que vc encontre um novo lindo para se apaixonar.. porque senão que graca terá o seu livro com apenas 1 linda e trágica história de amor?? Boa Sorte, espero que possamos nos encontrar :) Beeijo

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Sensacional mesmo, tudo é experiência, né? Por mais triste que seja hahahaha

      Como assim seu pai me viu no aeroporto??? Que engraçado!!!

      Fico feliz que sua família tenha entendido o que isso tudo realmente significa. Boa sorte pra vc sempre!

  12. Nathalia   •  

    Manooooo!!! Em primeiro lugar SIM eu lii tudo sem pular um paragrafo uhauhuhuhuh
    E em segundo lugar eu SUPER ADORO os seus posts…
    O seu jeito de contar, torna toda a historia ZICADOPANTANO. hsuahsahuhsas

    Vou ser Au pair tbm estou preparando a documentação, mais isso so mais la pra frente!!!
    e com vc contando esse momentos SUPERS me da muita vontade de ir!! Continua postando to viciada já nao consigo mais parar hahahhaha…

    Bjooooo

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Obrigada por ler tudo hahahahaha Me sinto muito útil!
      Obrigada pelo elogio tbbbb!
      Super boa sorte no seu processo :)

  13. Carol   •  

    Eu li todinho sim :D HAHA’ Nem pensei em comentar essas coisa de “quem sabe no futuro” , mas acho que (visão de quem acompanha de longe) toda experiência é válida, pelo menos voc tem história pra contar pros seu netos, ou até escrever um livro, quem sabe hahahaha’
    Não deixe de nos contar os bafões por aí hihi bgz

    • Beatriz Morgado   •     Author

      YEAAAAH! Cara, vocês leram mesmo!!! Eu mesma nem li de novo pra revisar erros, espero que esteja tudo ok hahaha mó preguiça!!!
      Concordo contigo, toda experiência é válida!!! Por isso que eu vivo, mesmo me fodendo rsrs!
      Beijooooo!!!

  14. Patricia   •  

    Preciso comentar que li sem pular nenhum parágrafo! hahahahaha.

    O que uma boa fofoca não faz ein! hahaha

    Beijos!

  15. Letícia   •  

    Oi Bia!!

    Primeira vez postando, no entando já li muito aqui!!
    Essa história dá um filme, e o que realmente importa é o seu presente, os momentos lindos e intensos, o post long valeu cada linha!!
    Continue na sua intensidade e alegria de viver!! isso a torna única!!
    Tudo de mais bom pro ce!!
    e bjs

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Super obrigada, Letícia! Adoro esses comentários motivadores, me sinto menos estúpida no momento huahuahuahuahua!
      Beijãozão!!!

  16. Debora   •  

    Biaaaaa!! Eu li sem pular nhm parágrafooooo!!!! clap clap pra mimmm!!!

    Eu concordo plenamente, se vc não escrevr um livro nesta sua vida, Deus há de te castigar!! Vc manda MTOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO bem!!

    Nada como ter historias pra contar, né não? se terminaram bem ou não, já são outros quinhentos…

    Boa sorteeee ai e ótima recuperação!! Como vc msm disse, logo logo um outro carinha aparece pra te fzr feliz e te fzr sofrer td de novo né? é a vidaaaaaaa… :D

    • Beatriz Morgado   •     Author

      AEEEE! Clap clap! Estou orgulhosa de todas que leram tudo sem pular parágrafo hahahaha
      Super obrigada pelo elogio, um dia meu livro saiiii! E obrigada pela força também :D
      Beijão!

  17. Gláucia   •  

    Oie Bia…. vc é de que signo?! Aposto que é de Cancer…. rsrsrsrsrsrsrsrsrsr EU SEI DE TD Q VC ESTÁ FALANDO!!!! RSRSRSRSRSRS

    Bola pra frente Chico Xavier…. rsrsrsrsrsrsrs… eu to imaginando vc bebada e durmindo no corredor de um prédio….. chorei largada….. rsrsrsrsrs

    Bjooos

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Câncer!!! hahahaha Eu não acredito nessas coisas, mas enfim… deve ter alguma coincidência!
      Nossa, não foi fácil dormir naquele chão em cima da caixa de pizza hahahahaha Mas eu tava amortecida, num \”tinti\” nada!!!

  18. Karen Neves   •  

    Eu lendo o post e pensando “quem sabe no futuro”, ai vejo sua frase “Aii Biaaa, que lindo, mas quem sabe no futuro néé??? Nunca se sabe!!! Amor de verdade não morre assim!!!!!” kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Quase morri de rir com vc lendo meus pensamentos!

    Mas acho que a melhor dica é APROVEITAR. Aproveita a vida, aproveita os EUA, VIVE A VIDA!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Hahahahahaha pois é, eu sei porque é isso que todo mundo fala… Mas não quero me apegar nisso, sabe!?!?!?! Veremos!
      Tô vivendo, vamo que vamo!

  19. JESSICA COELHO   •  

    Quando eu descobri o programa no comeco do ano, eu comecei a pesquisar muito e achei o seu blog (antes desse) e mostrei pro meu pai alguns posts e disse a data que você ia viajar! aí ele tava fazendo uma conexao no aeroporto aí viu vc com a blusa.. quando ele voltou ele pediu para eu mostrar o seu blog (para ver a foto) e disse: é ela mesmo!! hahaha aí toda vez que vc posta, eu conto para ele.. quando vc sumiu acho que ele pensou que o programa era furada.. aí inventei umas historias para ele parar de achar que vc tinha virado uma escrava aí e não tinha mais acesso a internet! hahaha Beeijo

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Huahauhauahuahaua! Que engraçado isso, sério!!!!!!!!

  20. renata   •  

    beatriz! adorei tua história com o ingles! te desejo tudo de bom!! mas fiquei mega curiosa pra saber qual é a marca da camera que tu comprou que fez tanto sucessoo assim ate com as bibas hehehe beijosss boa sorte!!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oiii, Renata! Muito obrigada :)
      Comprei uma Nikon 3100!
      Beijão!

  21. Paty   •  

    As vezes eu tenho medo de como tem coisas que acontecem com você super parecidas das que aconteceram comigo quando fui Au Pair! o.O

    Pena que vc tem muita fã! Haha Senão a gente trocava umas ideias! Hahaha

    Quanto ao seu inglês, o que importa é que você aproveitou tudo o que deu enquanto teve a chance. Deixa a vida cuidar do resto… Afinal, “life is very short and there’s no time

    for fussing and fighting, my friend.”

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Fiquei curiosa pra saber das suas histórias!!! Você também arrumou um bofe em Vegas e se ferrou depois? hahahhuahauhaua! Joking!!!

      • Paty   •  

        Hahaha Não exatamente! De cara não deu em NADA com o soldado, pq ele tava voltando da guerra (americano) e queria se estabilizar. Então OBVIO que uma Au pair não servia… “mas que pena, vc é tão legal bla bla bla…¬¬”

        Bom, algumas coisas que temos parecidas posso enumerar: toddler twins; volvo velho (o meu era igual o seu, mas branco, só que depois trocaram); o soldado; chegar com au pair atual e ve-la indo embora e ficar com invejinha; não ter o que fazer com bebes de 1 ano em CASA; a aulinha de musica onde quem se “diverte” mesmo são os pais; hosts SUPER legais, mas convivencia é sempre convivencia;

        Bom, isso foi o que lembrei agora. E tá, não somos gêmeas de histórias hahaha É só que me identifico com bastante coisas que vc fala!

        Pq achei um blog de Au Pair sem nem ser mais Au pair? Pq minha prima está pra ir, então ajudando ela a fazer o video do app achei! haha

        • Beatriz Morgado   •     Author

          AHHHH entendi!
          Nossa, mas tem mta coisa parecida MESMO!!!
          Você curtia seu volvo velho?! Eu às vezes amo, às vezes odeio! Ele tá uns chacoalhões, vixe… dá medo! To vendo a hora que vai quebrar na estrada!!!

          Boa sorte pra sua prima no processo dela!!!

          • Paty   •  

            Ai nem lembro do Volvo direito,sabia? Só lembro que era do pai dela, e foi pra irmã dele depois! E pra ela deve ter sido lindo, pq antes ela tinha um carro manual! I KNOW!!!! haha Não era ruim não, mas o Sienna que compraram dava de 10! Haha Apesar de que voltei pra visitar ano passado, e já tinham dado uma esculachada nele…

            queeuarranheiosiennanaprimeirasemanaagentenemcomentané

            • Beatriz Morgado   •     Author

              HAHAHAHAHA vc arranhou o carro, menina? hahahaha
              Aqui na família só tem carrão! Todas as minhas amigas Au Pairs dirigem de Lexus pra cima… e eu de Volto. Acho ele nada sexy!

              • Beatriz   •     Author

                I mean, VOLVO

              • Paty   •  

                Bom, era do Vô das minhas meninas e até ele se atualizou e passou a bola, então né… hahahaha

                Ah não foi bem assim, não arranhou só, amassou também! MUAHAHA But they still love me! Haha Mudaram pra Praga (sim, europa) e vivem me chamando pra ir! Se pa que vou em Fevereiro visitar o/

                • Paty   •  

                  “do vo das minhas meninas” era o volvo! haha também seria demais eu ter arranhado e amassado o dele né! hahaha

                • Beatriz Morgado   •     Author

                  NOSSAAAA não perde a oportunidade, menina. Eu já fui pra Praga, é lindo demais! O povo é nojento, sério, odieiii todo mundo hahahaha Não fui bem atendida em nenhum lugar! E ninguém fala nenhuma outra língua além de tcheco e tb nem se esforçam pra te ajudar… mal conseguia comprar um ticket de trem, mas nos viramos bem até!!! Mesmo assim eu amei, um dos lugares mais bonitos que já fui na vida :)

  22. Jhessyca   •  

    Biia, eu nunca comento (lembro só de ter elogiado uma vez no twitter), mas dessa vez não teve como. A preguiça tentou, mas esse texto (que eu li todinho e to pensando em ler de novo haha) merece muitos comentários, acho que é o melhor do blog todo.
    Eu ri de mim mesma quando você falou pra não postar coisas fofinhas sobre futuro, porque já tava com um ‘aaah Bia, quem sabe né’ na cabeça (sou dessas que fica boba com qualquer história água com açúcar). Mas vocês ta certa, acho que o importante agora é que você aproveitou o momento. Já, já aparece outro menino para aumentar o número de histórias do seu livro haha (livro esse que comprarei com certeza !)
    Espero que você continue aproveitando essa experiência, parabéns pelos seus textos, você escreve muuuito bem. Sei lá, da a impressão que tem uma amiga te contando uma fofoca, sabe haha como se a gente realmente te conhecesse. Beijos.

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi, Jhessyca!!!
      Muito obrigada por ter deixado a preguiça de lado pra comentar aqui. It means a lot :)
      Recebi sua mensagem no Twitter e obrigada por ela também!!!
      Beijão pra vc! E quero só ver se vai comprar meu livro mesmo, hein! Quero ficar rica! Pelo menos as desgraças da minha vida podem me trazer dinheiro um dia hauahahuahua

  23. Isabele   •  

    Beatriz, acompanho seu blog há menos de um mês. Definitivamente o melhor blog auperiano que já li. Vc já reparou que seu nome aparece nas buscas do Google? Se vc colocar “au pair be…” verá. Gosto desse seu jeito espontâneo, animado e ingênuo de ser!
    Sua história com inglesinho é muito bonita, fiquei muitíssimo curiosa pra saber o saldo do Thanksgiving, todo o dia entrava! E acredite, li todos os parágrafos atenciosamente sem pular nenhum. Fiquei até emocionadinha!
    Viva, girl! O mundo é seu!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi, Isabele!
      Que comentário lindooooooooo!!!
      Muito obrigada :) O Google me ama, todo mundo me acha lá hahaha que vergonha! Tô vendo o dia que o inglês vai traduzir isso aqui, que engraçado!!!
      Beijão pra vc!!!

  24. Raney Evelin   •  

    Eeeeeuuuu li o post até o final, sem pular parágrafo!!!!! Uhuuuuu

    Ufaaa!! hehehe

    Ms Bia, não é dificil ler tanta coisa qnd a historia é legal e prende nossa atenção. Tenho certeza de q tds leram ate o fim!! heheh

    Sua historia contada foi mttt lindaaaa, fiquei curiosa qnt a algumas coisas de NY, ms……não vou perguntar. hahahahaha

    Fiquei imaginando a briga no Central Park, vc dormindo em cima da caixa de pizza no corredor do prédio. E +++++, sendo carregada nas costas pelo inglês TD. It´s AMAZING!!!

    Agradeça a Deus pelo q vc viveu!! E espera……vc ainda tem mttt o viver por ai. hehe

    Com certeza vão aparecer outros ingleses e uma hora vc vai achar o teu. Isso se não for esse mesmo ai q ainda vai voltar! Vai q essa historia tem uma reviravolta ai, e td muda! hahahahaha

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Eu sei que falo pra ninguém ficar falando \”quem sabe um dia nééé\”, mas no fundo tô torcendo pro inglês voltarrrr hahahahahahahaha
      Obrigada por ter lido tudo como sempre, Reney :)))

  25. Oi Bia, é a primeira vez que eu comento no blog, oficialmente. Eu só tinha te dado um oi pelo twitter.

    Quero te agradecer por todas as dicas que você dá aqui, que me fez reconsiderar seriamente sobre querer fazer Au Pair quando eu tiver 18 anos, e começar a considerar fazer quando eu tiver 20 ou 21 anos, porque realmente, eu vou perder muita diversão por lá…

    Quero te agradecer também por filmar e mostrar para nós tudo sobre o que todo mundo que quer se tornar uma Au Pair tem dúvida.

    Duas coisas que tenho dúvida:

    Você disse que não fala o preço das coisas que você compra, mas me diz apenas uma coisinha? Você pagou mais de 1000 dólares no seu Macbook? Porque eu estou em dúvida, se quando eu for, levo meu note podrão ou compro um novo ai…

    E celular, você levou o seu e comprou outro aí, ou desencanou e deixou ele aqui no Brasil?

    Bom, por enquanto é isso!

    PS: Adorei esse post, dei muita risada e também fiquei triste com o fim da história… Mas fazer o que, a vida é assim! Temos que seguir em frente sem olhar para trás.

    Até a próxima, beijos.

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oii, Paula! (Ou Carol? Não sei como você gosta de ser chamada, acho que no seu Twitter o seu nome tá como Carol… hahaha)
      Muito obrigada por comentar!
      Então, sobre suas dúvidas…
      Sim, paguei mais de mil dólares no meu Macbook, mas notebooks normais você consegue até por 300! Depende do que você quer!
      E celular vc nem precisa se preocupar, sua host family vai te dar um! A minha me deu um podrão e depois de 6 meses eu comprei outro e pago minha própria conta… 90% das Au Pairs não fazem isso!!!
      Não compensa trazer cel do Brasil. Eu tinha um iPhone aí, mas quando cheguei aqui já era super obsoleto rs! Já lançaram até o 4S!
      Beijão!!!

  26. Fernanda   •  

    Essa Beatriz é FODA!

    Li tudiinhoo…. p/ variar eu ameiii ;)

    Você escreve de uma forma simples, mas bem envolvente rs

    Tipo novela mesmooo rs

    bye beea

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Minha amiga me chama de Beatriz do bairro por causa da minha vida meio novela mexicana, rs!
      Beijo, Fernanda! Obrigada por ler tudo :)

  27. Pri   •  

    Nossa Bia, com a quantidade de comments que você ganha, você deixa muita blogueira fashionista no chinelo, viu.
    E não é para menos, suas histórias são sempre recheadas de aventura, emoção e uma pitada de romance. E são fatos reais, o que empolga mais os leitores. Em cada paragráfo vocês faz as pessoas quererem ser sua amiga e compartilhar junto suas histórias.
    Li o blog inteiro loucamente em poucas horas. Vai para o Google Reader já!
    Parabéns, seu blog é o máximo ;)
    Bjos!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Nossa, tô me achando agora huahuahuahuahua!
      Muito obrigada pelo comentário, Pri!!!
      beijão!

  28. Érika Mello   •  

    Ai, Bia, só vc mesmo pra achar que não leríamos o post todo… rsrs. Não pulei uma linha, uma vírgula, nadica de nada…
    Me diverti bastante com o texto. Fiquei triste com o final do conto de fadas, mas é a vida… o importante é guardar esse momentos que vc viveu ao lado dele. Nada nessa vida acontece por acaso!!
    Bjão!!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Eu tb fiquei bem triste com o final do conto de fadas hahaha Mas ok, a vida é assim mesmo! Não dá pra controlar tudo… força na peruca agora!!!

  29. Vivi   •  

    owww Bia, o mais importante na vida é se aventurar e ter mil histórias para contar! Tenho certeza que valeu muito a pena essa experiência! Mas eu entendo vc, sou assim tb, sofro muito, pior que novela mexicana! Toda força do mundo pra vc! Amo ler seu blog! Bjs!

  30. Alguém   •  

    Oi Bia, gostaria de te fazer uma pergunta. Desculpe pela incoveniência, mas creio que vc não ligará de responder já que fala quase tudo aqui. hehehe
    Vc foi pros EUA namorando… E porque terminou? Ainda gosta do seu EX? Pq vcs tomaram essa decisão?
    Abraços!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Ué, por que você não colocou seu nome? Me sinto meio esquisita respondendo algo tão pessoal pra alguém que nem teve coragem de colocar o nome! rs
      Eu já expliquei em outros posts o motivo de ter terminado meu namoro e meu ex namorado até comentou no post concordando que foi a melhor coisa que fizemos…
      O importante é que nós dois estamos felizes agora e nos respeitamos muito!
      Abraços, \”alguém\”.

  31. Andressa   •  

    Simplesmente perfeito esse post!!! Li todos os parágrafos e uns até + de uma vez pra ver se eu tinha entendido msm, kkkkkkk. Ri mt com o ap do tiozão, q cara estranho, quem tem um ET no banheiro?!?! kkkk

    Ai, linda sua love story, mas não desanima não…. o que é seu está guardado (minha avó dizia isso)……. rsrsrs

    Vc comprou outra super máquina?!?!? Não se arrependeu??? A q vc tinha já tirava fotos mt lokas, essa então…. rsrs

    Bjãooo e boa sorte pra vc!!!! Não vj a hr de estar aí tbm!!! Sendo uma au pair!!!!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oiii, Andressa! Muito obrigada :)
      Minha outra câmera era uma droga, não sei porque o povo sempre pergunta dela hahahahahahaha
      Beijão!!!

  32. Fernanda   •  

    Caramba espero que vc tenha tirado foto do “banheiro” da casa do tio do Inglês. hahahahaa Li tudo, não pulei uma linha se quer.

    Bia, tô indo em janeiro praí, mas pra Califórnia, Sacramento. Você conhece? Já ouviu falar? Espero te conhecer, adoro pessoas intensas hahahaha!

    Tudo de bom para você!! Beijão!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      quando fui ver as fotos percebi que não tirei NENHUMA do ET, que odio de mim! hahaha perdi a chance!!!
      sacramento é uma cidade famosa na califa! tenho ctz que voce vai amar :)
      beijão boa sorte, fernanda!

  33. Cíntia   •  

    Biaaaaaaaaaaaaaaaaa.. tava hiper esperando esse seu post! Conheci seu blog semana passada, eu sou uma futua au-pair (se Deus quiser rs) e então fuço até, pela net afora o q encontro sobre au-pairs rs
    Me raxei com o post da au-pair alemã safadeeenha rs Meu, hilário! She’s crazy rs
    já esse seu post foi mto esperado.. pra começar li ele inteirinho.. vc sabe escrever guria e acredite, Deus ficará realmente bravo se vc não cumprir sua missão.. pense com carinho na possibilidade de um livro, viu.. Irei comprar, mas vou querer dedicatória e autógrafo rs
    Adoro como escreve, o que escreve, as suas peripécias rs e dicas de restaurante(como o Ayza Wine e Chocolat bar.. HAHAH já entrei no site rs) com ctza irei visitá-lo :) pena q não colocou o preço da sua Nikkon :( quero uma tbém, mas ok, isso é mero detalhe rs
    Meu, como sua história me fez lembrar da Savannah do “meu querido John” rs Lendo seus posts, eu fico imaginando o seu alemão sendo o próprio John, até fisicamente falando kkk meu inconsciente acha q vc pegou o ator Channing Tatum rs
    Bem estou (por enqto) aqui no BR esperando anciosamente outros posts :)
    Kisses..

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi, Cíntia! Obrigada!
      Tô considerando ainda mais a hipótese de escrever um livro hahaha
      E mais uma que fala do Dear John… já coloquei na minha cabeça que não assistirei esse filme hahaha vou chorar muito!
      Beijo!

  34. Samira   •  

    Uau, Beatriz, que linda sua aventura com o inglês…
    E por mais que todas nós saibamos que não tem futuro, dá um tristeza pensar nisso… acho que todas as leitoras do blog estavam torcendo por vocês.

    Ainda bem que você émais forte que eu, porque eu tenho certeza que me descontrolaria nessa situaçao. Ainda mais que eu tenho uma queda gigante por ingleses. Eles são the best, né…

    Enfim, espero que você tenha aproveitado bastante enquanto durou.

    Ah, e o post tava tão interessante que nem se quisesse alguém podia pular algum parágrafo. HAHA.

    Tudo de bom pra você no futuro! Beijo!!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Eu dou uma de controlada, mas na verdade tá sendo mais foda do que eu imaginava hahahaha mas enfim! A gente leva!
      Beijão e obrigada pelo comentário :)

  35. Paty   •  

    Só preciso ver preços! Minha chefe já deixou! hahaha Só vai estar frio e cinza lá =( Mas o fofo disse par torcer pra ter neve nas montanhas, pq aí vamos esquiar! Hahaha

    Uma delícia 4 anos depois de ser Au Pair ainda ter uns gostinhos desses na vida! Hahaha

    Eles moram de frente pro Rio, com vista pras pontes e pro castelo. Vai se se ferrar né?

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Hahahahahaha vai se ferrar mesmo! Muitoooooo legal!!! Vc vai amar!

  36. Paty   •  

    Te respondi, mas não apareceu aqui!

  37. Paty   •  

    Ah já achei! Nossa, sorry!! fiz isso virar chat! hahaha Parei!

  38. Isa Hoffman   •  

    Biaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa,

    EU LI ATÉ O FIM! ;P

    confesso que entrei aqui no blog uns três dias seguidos esperando por esse post. Hahahahahaha! A curiosa né?

    Mas sério, quero escrever um roteiro pra um filme baseado em histórias de Au Pair e COM CERTEZA, vc será uma das minhas personagens. HAHAHAHAHA!

    Meo, que bom que vcs tiveram esse final de semana de muito amor, juntinhos. A vida só vale a pena por esses momentos né? Eu adorei!!!

    E na boa, eu acho que vc fez certo de ter tirado o inglês da briga, pq né? Hahaha!

    Anyway, só acho que vc vacilou em não tirar foto do ET. HAHAHAHA!

    AHH, e vc ter encontrado com a Mary, por acaso, em plena NY justo num feriado onde a cidade está lotada é mto, mas mto bizarro. Hahahahaha.. Adoro essas coincidências. =D

    Beijosssssss.

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Ai que honraaaaa, serei personagem de um filme hahahaha

  39. Sofia   •  

    Oi Bia li seu blog inteiro em 2 dias no trabalho , e estou louca pra ser Au Pair. aei q todo mundo de ve te pergunta isso mais nunca vi uma responta tao clara, vc recomendaria pra sua melhor amiga ser au pair? preciso muito saber c vale apena eu largar tudo oque tenho aki, se extiste mais momentos bons do que ruim nessa ”profissao”
    Muito Obrigada desde ja pela ajuda.
    Beijo, te adimiro muuito

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi, Sofia!
      Que pergunta difícil a sua. Eu tenho amigas que jamais passariam pelo que eu tô passando, outras que encarariam essa experiência com o mesmo bom humor que eu encaro sem medo de ser feliz… depende da pessoa!
      Eu não me arrependo da escolha que fiz e das coisas que larguei pra viver o que to vivendo… então se eu tivesse uma amiga no mesmo espirito que eu, pq nao recomendaria?!
      Eu não te conheço pra saber o qto vale a pena vc largar o que tem no Brasil pra vir pra cá…
      E momentos ruins e bons tb dependem mto! Nao sei como sera sua familia, suas amigas, das coisas q vc gosta.
      Eu topo tudo, sou otimista… entao eu só chamo os momentos ruins de experiencia, nao de momentos ruins haha
      Beijao e desculpe nao poder ajduar muito!

  40. Kelly Barros   •  

    Oi Bia [olha a íntima né? mas é que você abre tanto sua vida que me considero já sua amiga] Olha, nem tenho o que falar, só que eu li tudo sim, sem pular nenhum parágrafo. Aliás, estou lendo seu blog inteiro, mas como comecei de trás pra frente, sei que você vai terminar com o inglês [acho fofo esse jeito de falar dele]. Bem, só vim dizer que passei por algo um pouco parecido, e que namorar a distância é uma droga e que vocês tem algo lindo lindo. Tô feliz por já saber que deu certo. Tá vou parar de chorar e começar a ter esperanças, já que eu tenho agora um exemplo de que é possível dar certo. Parece mesmo conto de fadas. Estou curiosa pra saber como vocês se conheceram [já sei que foi em Vegas né?] Pensa uma coisa, olha que história mais romântica pra você contar pros seus futuros filhos com ele *-* Vou continua lendo os posts, beijos

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi, Kelly! Pode me chamar de Bia, não tem problema :)
      Já conheço sua carinha dos comments do blog do STB :)

      Que sem graaaaaça ler o blog de trás pra frente!!! Vai acompanhar a novela mexicana já sabendo o final… não vale roubar!!! hahaha
      Tô brincando! :P
      Um dia eu conto melhor do dia que a gente se conheceu, a história é até engraçada!!!
      Beijão, querida!!!

  41. Mel   •  

    Oiee! tudo bem?
    Bia, sou candidata à AuPair, no momento estou à espera de uma família, e esses dias apareceu uma que ficou interessada em mim. Gostaria de saber se você conhece o lugar chamado Wynnewood, procurei no google mas não achei muitas informações, apenas que é uma região suburbana da Philadelphia.. você conhece?
    obrigada beijos

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi, Mel! Morei no subúrbio de Philly, mas não conheço esse lugar! Lá tem zilhares de cidades bem pequenas, pode até ser um distrito!
      Beijão!

  42. Hellen   •  

    li tudo e nem percebi como isso ficou enorrrrme!! Sou mto como você. Como dizem: 8 ou 80. Mas, “o importante é que emoções, eu vivi”

  43. Beatriz Caires   •  

    Já tinha lido todos os posts novos aí tive que ir para os velhos… Sim, tô te stalkeando na cara dura mesmo! hahaha. Sou leitora fantasma e acompanhava o seu blog da stb faz um tempão e só depois de muito tempo descobri esse aqui, mas tive que dar as caras com esse post. Essa história é muito incrível e ler esse ””’final”” me quebrou o coração, até lembrar que~[SPOILER] seu casamento tá marcado! hahaha que loucura! Desejo tudo de melhor na sua vida e na do ‘inglês’, vocês são demais. E ahh, não desista daqui, amo ler seus posts (inclusive deveria estar estudando, mas aqui estou, tietando você…haha) Beijão.

    • Beatriz Morgado   •     Author

      hahahaha ai que linda!
      viu só? Nessa época eu nao podia nem sonhar com casamento hahaha incrivel como as coisas mudaram… e pra melhor :)
      vai estudar, biaaaaaa! pode deixar que nao vou desistir daqui! Já to preparando o próximo post!
      Beijao e obrigada pelo comentario fofo! :*

  44. Naline Carvalho   •  

    Bia, eu tô lendo TODOS os seus posts desde o início do blog (decidi ser AuPair para o ano que vem e seu blog é sensacional) e olha, cada vez que vejo os ”dramas” por conta do soldado inglês só consigo sorrir e falar: mal sabe que vai casar com esse moço!

    Feliz por você, sempre”

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Hahahahahaha que linda! Eu tb penso a mesma coisa quando volto nos posts antigos para ler minhas próprias histórias! Penso \”ai que troxa que eu era\”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *