Mãe, nem leia esse post porque tá grande pra dedéu

Oi, gente. Tô de volta.

Dei uma sumida boa porque as coisas aqui ficaram mais tensas do que de costume e explicarei melhor o que aconteceu nas próximas linhas. Sempre que fico um tempão sem atualizar, acumula assunto, então fico sem saber por onde começar, aí começo falando abobrinha… vou tentar escrever por partes, pois minha vida tá doida.

Primeira coisa: os fofos.

Sei que no último post eu botei a boca no trombone aqui, mas tanta coisa mudou e sinto que devo uma explicação. O clima nessa casa ficou tão tenso, eu tava tão chateada com tudo que andava acontecendo, especialmente com o conflito com o meu fofo e com o negócio do médico e tudo mais que acabou caindo na minha cabeça. E eu tava praticamente decidida a ir embora antes da hora, nervos à flor da pele. Eu ligava pra minha mãe quase todo dia e ficava horas no telefone desabafando e esse é um dos motivos por eu ter ficado sem atualizar o blog. Todo tempo livre que eu tive gastei choramingando com minha mãe no telefone ou com o coitado do inglês no Skype 5 horas na frente no fuso horário. Que dó dessas pessoas que me amam.

O negócio ficou tão feio que um dia minha fofa me chamou na xinxa!!! Pois é, começou a conversar comigo dizendo que percebeu que eu tava infeliz, que estava fria com as crianças, que ela sentia que alguém nessa casa a odiava, que parecia que eu não queria estar aqui e que fico olhando toda hora no relógio… mas ela não falou se fazendo de vítima, falou meio que me intimidando, foi horrível. Enfim, falou trocentas coisas e a conversa rolou, rolou, rolou… fiquei assustada quando ela disse que eu tava sendo fria com as kids, pois amo tanto esses pequenos e eles não tem culpa de nada, nunca tive a intenção de ser cuzona com eles e descontar meus problemas, sabe… mesmo que às vezes eles mereçam, hehe. Eu morro de raiva por dentro, mas faço de tudo pra continuar sendo bacana com eles. Só sei que a conversa foi acabar no seguinte ponto: ela queria saber se eu ainda iria estender os 6 meses (pra quem não sabe – recebo muitas perguntas sobre isso –  eu já vim pros EUA sabendo que ia estender, pois minha host family não contrata Au Pair que fique menos de 1 ano e meio, então o combinado era que eu viesse com a certeza de estender pelo menos 6 meses), pois não quer que alguém continue aqui infeliz e tudo mais. Sei lá, não lembro… só sei que a conversa foi super longa.

Eu abri o jogo sobre tudo ou quase tudo, foi muito tenso. Não vou comentar aqui todos os meus problemas e nem as coisas que ela comentou porque algumas são bem pessoais, só sei que essa foi uma conversa meio definitiva. Eu disse pra ela que iria conversar com a minha mãe e pensar um pouco nas minhas prioridades pra ver se valia a pena ficar aqui ou não e que eu daria a resposta na mesma semana, pois estávamos com o prazo apertado para enviar a papelada da extensão do programa. Mas pedi desculpa por eu ter mudado pra pior e ter afetado as kids.

Foram uns 3 dias sem dormir. Conversei muito com meus pais, com amigas e com o inglês… e pensei muito no que iria falar pra eles. Eis que chega a sexta-feira à noite e meu fofo tava aqui. Foi ele, com delicadeza zero, quem começou a conversa. Falou assim: “E aí, Bia, quando você vai embora, então?”

Aí comecei a falar o que eu havia pensado a semana inteira. Disse que queria muito ficar, pois ainda tinha muitas coisas pra fazer aqui, como viagens (eles sabem que eu amo viajar e que guardo meu dinheiro totalmente pra isso), que amava as crianças e que não tava nem um pouco pronta pra ir embora. Pedi desculpas por ter mudado com eles do nada, disse que tava passando por problemas pessoais e não me dei conta disso. Reforcei que queria ficar, mas só queria que eles entendessem que eu gostaria de ter meus horários respeitados, pois eu tenho uma vida, eu faço planos pro meu dia e tudo mais. Depois do meu horário, eu gosto de ir na academia, de conversar com família, amigos e namorado. Eu gosto de brincar com meus quebra-cabeças, assistir a um filme, ouvir música, sei lá, qualquer coisa… e que enquanto eu estava trabalhando, minha atenção é 100% pras crianças, até mesmo porque eu sou PROIBIDA de usar celular, computador ou assistir televisão durante meu período de trabalho e quando chega à noite, estou ansiosa pra entrar em contato com o mundo e coisas do tipo…

Meu fofo não entendeu uma palavra do que eu quis dizer. Foi super grosso dizendo que as coisas não iriam funcionar assim, pois como eu moro aqui, as crianças tem que ser minha prioridade 100% do tempo, eu estando ON ou OFF no trabalho e que se eu tenho uma “busy social life” não iria dar certo… e mandava altas ironias, sabe. Não concordo com ele, mas é difícil de enfrentar numa situação dessas.

A conversa foi péssima, pois as crianças ficaram interrompendo… não conseguia conversar. Uma hora o fofo saiu da sala e minha fofa assumiu o diálogo. Com ela foi super tranquilo. Ela entendeu meu lado e eu entendi o dela. Eu acabei falando do negócio de ela ter me botado pra trabalhar à noite pra compensar os horários que perdi indo no médico e ela pediu desculpas. Foi um mal entendido, pois ela achou que eu tivesse ficado de bode por ela pedir algo que nunca pede (é verdade, nunca trabalhei à noite assim) e sentiu que me devia uma explicação… aí essa do médico foi a primeira que passou pela cabeça dela, apesar de infeliz. Pediu desculpas várias vezes por isso e aí desencanei desse assunto.

Resumindo: eu trabalho muito mais do que deveria, fico exausta e é por isso que andava tão infeliz aqui, pois faço tanto e parece que nunca tá bom… aí sempre que eles me pedem alguma coisa extra eu fico muito chateada ou muito brava, pois já acho que faço muito e nunca recebo um obrigado! Mas o que eles esperam é que essa minha “ajuda extra” seja natural como alguém da família! Tipo… só ficar off no trabalho quando estiver tudo ok, as crianças sob controle ou alguém mais pra ajudar. Se eu tiver no meu quarto e ouvir criança gritando, descer pra ver se precisam de mim… coisas que alguém da família faria. BUUUTTTT pra mim isso é muito papo furado, pois conheço as pessoas com quem vivo há 11 meses! Eles acham ruim que após às 5 eu me tranque no meu próprio mundinho, mas não conseguem entender que eu faço isso porque TÔ MUITO CANSADA! Mas realmente, eu não participo de nada da família depois do meu horário, pois nunca me senti da família aqui e toda vez que tentei, só trabalhei 5 vezes mais, sabe??? Então desencano. Gosto muito deles, mas faço meu trabalho e vazo…

Eu entendi o lado da minha fofa apesar de tudo. Não concordo, mas entendo. Aí só sei que a conversa não levou a lugar nenhum, mas que decidi ficar. Ah, meu fofo deu um grand finale sendo SUPER GROSSO comigo, mas total ignorei… ainda mais porque minha fofa ficou brava com ele, que entrou na conversa sem saber de nada no final, sabe. Enfim. Vou ficar, gente. E um dos motivos é esse blog!!! Sério… meu pai só falava assim: “Pense que se você for embora, vai abandonar seu blog, suas leitoras que esperam tanto de você… e até se espelham na sua história”. FODA NÉ.

Segunda coisa: Como estão as coisas depois dessa conversa?

ESTÃO OK. Não vou dizer que está tudo perfeito, mas tenho que admitir que melhorou muito. Eu simplesmente tô encarando meus dias de uma forma diferente e o clima aqui em casa melhorou 100%. Eu e meus fofos meio que botamos uma borracha no passado e estamos trabalhando para recuperar o entusiasmo e a energia de convivência que tínhamos no começo, sabe? Eu acordo sorrindo, puxo assunto sobre tudo com minha fofa, converso com meu fofo de coisas aleatórias quando o encontro pela casa. Até desço mais vezes durante à noite, nem que seja pra lavar minhas roupas. Compartilho mais minhas coisas… e eles estão fazendo A MESMA COISA, o que acho ótimo. As duas partes estão se esforçando, ou seja, eles me querem mesmo aqui (I mean, eles PRECISAM de mim aqui, não tem como eu não dizer isso)…

A verdade é que com essa minha boa vontade, estou trabalhando bem mais do que já trabalhava. Como sei que eles acham ruim eu sair no meu horário e me trancar no meu mundinho, acabo ficando mais, ajudo com a janta, limpo o chão, boto a louça da janta na máquina (isso porque eu não janto e nem é mais meu horário de trabalho), fico um pouquinho batendo um papo furado… coisas do tipo. É foda? É. Sério, eu fico exausta… mas o dia tem passado mais rápido, pois o clima tá melhor. Então acho que acaba compensando.

Esses dias conversei um tempão com minha fofa sobre viagens. Meu fofo veio me perguntar todo empolgado do show do Van Halen que eu vou. E assim a vida segue, minha gente… em compensação, não consigo mais ir na academia, pois qualquer 20 minutos extras de trabalho acabo perdendo minhas aulas. Mal escrevo para esse blog, pois fico cansada. A única coisa que me sobra forças pra fazer é assistir uns episódios de Grey’s Anatomy!!! Tô terminando a sexta temporada, gente. Quanto bafão!!! É isso.

Terceira coisa: O que aconteceu de interessante (ou não) nos meus últimos dias auperianos

A coisa mais relevante de todas dentro desta casa: o irmão perfeito do fofo que é meu amigo tem vindo aqui TODO SANTO DIA há mais ou menos 1 semana e meia. Ele chega às 8 e vai embora umas 3… ele tá pintando todos os quartos e banheiros da casa. Meu fofo tá pagando ele pra isso, pois ele precisa de grana, pois vai viajar pelo mundo em março… não tem data pra voltar. Então isso tem sido legal, pois além de ser um colírio para meus lindos olhos azuis, ele é SUPER gente boa e conversamos bastante. Na hora do almoço, ele vem todo sujo de tinta perguntar das minhas viagens. Olha, é difícil concentrar na comida das kids, viu. PAREI. Eu tenho um namorado perfeito, não preciso fazer esse tipo de comentário né, gente??? Mas eu não sou cega, felizmente!!! Enfim… agora ele tá querendo fazer um blog pra escrever durante as trips loucas dele e eu tô dando uma dicas e pá. Legal, legal. E nossa… ele vai viajar em março e pode ser que fique até 3 anos fora do país, isso significa que não estará aqui no summer pra ir comigo pras baladas e bares. A gente era mó parceiro!!! Essa parte é ruim…

Outra coisa relevante e engraçada: minhas kids ganharam um peixe de presente esses dias e foi a maior empolgação do mundo!!! Vieram aqui no meu quarto à noite me chamar pra ver o peixe. No dia seguinte, tava eu e a outra babá que vem à noite lá embaixo, meu kid chama pra mostrar o peixe pra ela. Vou lá ver… tá o bicho boiando!!!!!!

NOSSA que foda!!! Fui falar pro meu kid que o peixe tava taking a nap pois não sabia como dizer que ele morreu…  é muito foda falar de morte pra uma criança que nunca teve contato com isso. Aqui em casa já ouvi minha fofa dizer que alguém foi pro “heaven”, mas sei lá, falar de morte com criança é igual falar de sexo, sei lá, tem que ter jeito!!! E eu não me preparei pra isso!!!

E que foda cara, minha fofa não tava em casa. Tava só eu, a babá, os babies e meu kid… ela tinha saído com minha menina… aí mandamos um SMS pra ela dizendo assim: “Vai preparando a kid aí, pois acabamos de ver que o peixe tá morto!!!” Aí foi funny ela só mandou a resposta assim: “oooohhh shitttt ok”. HHAHAHAUHAUAHUAHAUHAUA! Oh shit foi foda, imagino a cara dela na hora… aí mandei outra perguntando: “O que falamos pro kid sobre o peixe? Nós dissemos que ele tá tirando uma soneca, mas ele vem toda hora checar se o peixe acordou…” Aí ela “Keep saying he is taking a nap até eu chegar em casa”. Aí a gente ficou lá enrolando o moleque até que o fofo chegou já dizendo: “Eaí pessoal, fiquei sabendo que o peixe já era!!!”

OLHA ISSO MANO HUAAHUHUAHUAHUAHUAHUAHUA o fofo ferrou com nosso plano de manter meu kid calmo!!!

Pra quê né… meu kid deu uma choradinha, ficou triste uns 5 minutos depois desencanou! Aí uns 15 minutos later chega minha fofa com minha kid… não deu nem tempo de ela entrar na casa e meu kid já gritou do quarto: “GUESS WHAT… OUR FISH IS DEAD!!!” Nusss pra queee que ele foi falar isso, manolo!!! Assim, sem nenhuma preparação psicológica na menina… ela chorou por umas infinitas horas, jogou até prato de comida no chão, puta escândalo!!! Meu moleque esqueceu do peixe em 5 min… ela fez o maior drama. Como menina é chata. Acho que depois desse evento só quero ter filho homem. Coitada da minha mãe que teve duas pexerequinhas… que dumal!!!

Essa é a história do peixe!!! Engraçada, né??? Rio toda hora que eu conto pra alguém!!! hihihihihihihi. Ah, a babá deu outro peixe de presente pra eles no dia seguinte… e sim, esse ainda tá vivo!!! Hoje completa 5 dias de vida nesta casa!!! Amém!

Quarta coisa: A quantas andas Beatriz e sua novela mexicana (ou seria inglesa???)

Gente, tá tudo bem comigo e com o inglês!!! Nos falamos todo dia pelo Skype… de fim de semana, nos falamos por várias horas. Eu geralmente tô na casa da Kainara, então ela já virou um ponto neutro naas nossas conversas. Ele já liga a câmera dizendo “Oi Bia, Oiii Kainara, bom dia pra vocês”. FUNNY hahahaha

Durante a semana a gente tenta se falar do jeito que dá, pois quando fico off no trabalho já é hora de dormir lá na Inglaterra… ele geralmente já tá dormindo, mas sempre coloca o despertador e me liga com  a maior cara de sono dizendo que acordou pra falar comigo um pouquinho e pra me dar boa noite. Bonitinho demais. Ele tá super engajado no português… essa semana tava estudando nome dos animais e tal. Aí agora fica falando “cachorro, gato, cavalo, peixe” DO NADA.

AHHHH GENTEEEEEE

Dia 14 de fevereiro foi Valentine’s Day aqui… o dia dos namorados gringo. Minhas amigas saíram pra dates e afins e eu fiquei super lonely. Foda nem poder comemorar essas datas… mas já tinha combinado com ele pra gente pelo menos se falar um pouquinho no Skype. Aí ficamos horas conversando de coisas X… mas desliguei super chateada, sei lá, deu aquele vazio e aquele desespero tipo namoro à distância sucks né!!! Mas aí no dia seguinte, meio atrasado, recebi uma CAIXONAAAA aqui em casa vinda lá da Inglaterra!!!

Ele me mandou um ursinho de pelúcia escrito I LOVE YOU, um cartão de dia dos namorados giganteeeeee, milhões de chocolates ingleses que eu amo e não vende aqui (que a gente morria de comer quando fui pra England) e mais um par de super meias especiais que custam 15 libras o par… hahaha Nossa, chorei uns 5 minutos de emoção!!! Fiquei tão feliz. Primeiro porque essas coisas nem combinam com ele!!! Nunca que eu ia imaginar receber uma coisa dessas do nada! Foi bem bonitinho. Aí fiquei feliz de novo!!!

Agora quase todas minhas amigas arrumaram uns bofes aqui, o que já era de se esperar… aí pelo menos tenho meu mino virtual né!!! A gente fica jogando palavras cruzadas cada um no seu iPhone e com o Skype ligado! Parece que ele tá aqui, pois a gente joga, se xinga, fica bravo no jogo e ainda vê a reação um do outro (casal nerd)… ele tem uma festa a fantasia semana que vem, coisa com os meninos do exército… e comprou umas 5 fantasias diferentes pra decidir qual que vai… uma mais tosca que a outra, muito engraçado. Aí na sexta à noite ficou fazendo um desfile de fantasias pra mim… vai vendo! Me divirto!!!

No sábado de manhã ele ligou a câmera na cozinha e ficou me ensinando a fazer lasanha e também um doce de maçã com caramelo lá. Não sei se contei pra vocês, mas esse meu inglês ainda é absurdamente prendado na cozinha, enquanto eu não sei nem fazer arroz!!! Pois é, deus foi muito justo comigo nesse relacionamento. Obrigada, deus!!! Aí fico lá assistindo ele cozinhar, parece que to vendo o programa da Ana Maria Braga, mas com uma Ana Maria bem mais sexy!!! huahuahuahuahuahuahuhua!

É isso pessoal!!!

Ah, nesses dias que fiquei sem postar também fui esquiar com minhas amigas! Foi o MUSTTT!!! Eu escrevi um post no blog do STB sobre isso e deve ir ao ar em breve… então nem vou escrever tudo de novo, depois aviso vocês aqui quando for ao ar e vcs entram lá pra ler, beleza???
Enquanto isso, acessem lá pra ver meus outros posts que saíram nas últimas weeks… tem até o do Valentine’s Day com fotos dos presentes que o inglês me mandou!!! Exclusivo hahahaha

Tô com sono, então nem vou preencher esse post com fotos agora… talvez outra hora eu faça um update!
Me perdoem pelos erros de digitação, preciso ver o  Greys Anatomy de hoje!!! Tô apaixonada pelo Owen Hunt mais do que pelo Derek, gente… como pode… Só porque ele é soldier, só pode. Tenho um fetiche por calças camufladas, se pá!!! Huahuahuaa!

Outra coisa: Tem 70 comentários pendentes aqui no blog, prometo ir respondendo aos pouquinhos ao longo da semana… preciso MESMO ver Grey’s Anatomy gente, sorry.

BEIJUNDAS

Comentários

Comentários

43 Comments

  1. Jordana Cardoso   •  

    Bia,

    Que chata essas história com seus fofos… Mas hang on!!! No final vai valer a pena. Fico feliz que vc não tenha desistido! Você não é uma desertora!!! huahua

  2. Flávia   •  

    Bia! Força na peruca pra ti! Adorei o post (como sempre) e não te preocupas que a gente que acompanha o blog, morre no F5 mas entende as tuas prioridades! Cheiro grande e espero que tudo continue bem! :*

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Super obrigada, Flávia… obrigada por não desistir do blog, mesmo com meus sumiços :P

  3. Nivea   •  

    Oi Bia!

    Nossa, admiro sua paciência com seus fofos, sinceramente, não sei se teria tanto jogo de cintura assim pra lidar com grosserias e afins… fico feliz de saber que você vai continuar com o programa! não só porque você não encerrará o blog (rs) mas também porque acredito que você tem muita coisa pra fazer em terras norte-americanas ainda! adoro ler suas aventuras, as coisas boas e as coisas não tão boas, tipo esses atritos com seus fofos hehe acho que você contando sua história aqui, deixa nós, meninas aspirantes a au pair, mais preparadas pra tudo que pode acontecer ^^ bom, eu gostaria de te perguntar uma coisinhas, meio bobas até, mas é que eu tenho vontade de saber! peanut butter é gostosa? hauhauhauhau e você se alimenta direitinho no dia-a-dia? tipo, os hosts cumprem corretamente com o dever deles de te fornecerem as refeições ou você gasta uma graninha com comida? :-) Beijos, Bia! =*

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Pois é! Tb não sei de onde tiro forças… mas eu aguento haha
      Respondendo a sua pergunta… eu ODEIIOOOOO peanut butter!!! Odeio muito!!! Mas tenho muitas amigas que adoram. A peanut butter no chocolate até que não fica tão ruim, tem gosto de paçoca eu acho… mas só ela assim no pão, eca eca, sério, é nojento!!! Não sei como conseguem comer hahah
      E não, não me alimento direitinho pq não dá tempo… eu como de pé, correndo, engolindo os pedaços… é mta correria e mta criança, nunca preparei uma refeição decente aqui pq não tem jeito. Minha fofa cozinha janta todo dia, mas fico tao cansada q nem janto pra nao ter q ver criança na frente mais e ainda ter q lavar louca, limpar sujeira etc!
      Os fofos nunca perguntam se quero comprar algo, no começo eu passava vontade, nunca compraram coisas q eu gosto, nem se dão ao trabalho… como oq tem aqui, acabei acostumando. Mas pelo menos 1 ou 2 vezes por mes eu q faço as compras da semana com minha kid. Minha fofa dá o cartao de credito e a lista e aí aproveito pra comprar umas coisas q gosto, tipo iogurte, frutas q curto mais (nao sou mto de comer aquelas blueberries e afins, prefiro banana, uvas etc)… compro um pao que eu curto mais… mas nem abuso, sabe. Nao quero comprar coisas soh pra mim e ainda guardar na geladeira deles, nao me sinto confortavel.
      De dia de semana como super mal… mas de fds faço questao de me alimentar direito e gasto maior grana!!!

  4. Nathalia   •  

    Oi Biaa !! Nossa estava ansiosa por um próximo post seu rs.

    Meninaaaaaaaaaa, chorei de rir com a história do peixee, que dó que dó kkk

    O Inglês desfilando pelo skype deve ter sido muito engraçado também.

    Fico feliz que o clima com seus fofos esteja melhor, mesmo não estando perfeito. E que tenha renovado por mais 6 meses. É a experiência que conta então aproveita bastante.

    Beijoooooooooooooooooos, tudebão !!!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Hahahaha a história do peixe é inesquecível!!!
      Muito obrigada pelo comentário, Nathalia!!!

  5. Bruna Totti   •  

    Aguenta ai, Bia!!! Aproveita TUDO… Afinal, faltam somente 7 meses, né?! =)
    Bjos

  6. Mari Fortunato   •  

    Bia, sempre amo ler seu blog..a história do peixe foi hilária! huahuauha..ri horrores aqui..se um dia eu passar por isso, é só dizer p kid q o bixinho está taking a nap rsrsrss
    bjão Bia, boa sorte aí! =*

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Aprendeu direitinho, muito bem huahauhauhauha Nunca fale de morte com crianças, mesmo que seja a de um peixe!!! :P

  7. Paty Vilhena   •  

    Oii Bia.

    Nossa que chato tudo isso com seus hosts, mas pelo menos está melhorando né?!

    Vc fez o certo, vc conversou com eles e agora cada um está fazendo a sua parte para terem uma convivência melhor.

    Tomara que tudo melhore por aí, estou sempre na torcida por vc Bia!

    Esses dias aconteceu uma coisa muito chata comigo, depois de estar com tudo pronto, só estava esperando a ligação (que eu fiquei esperando 4 semanas) para ficar online a agência me diz que eu não podia mais viajar, fiquei sem explicação nenhuma, foi muitoo chato, mas superei e estou indo por outra agência agora…

    Eu sei que vc é muito ocupada Bia, mas se vc tiver um tempinho passa no meu blog, vou ficar muito feliz!

    Segura as pontas aí e boa sorte!

    Beijos

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Sim, Paty! Melhorou bastante!
      Como assim a agencia disse que voce nao podia mais viajar??? Foi por causa do seu ingles??? Fiquei chocada!!!
      Boa sorte pra vc!!! Eu sempre tento tirar um tempinho pro blog, mas não é fácil… haha
      Beijao!

  8. Carol   •  

    Oi, Bia (olha que íntima hahahaha)! Comecei a acompanhar seu blog há uns dias atrás, quando procurava por algum blog de alguém que contasse as experiencias como Au Pair, pq pretendo ser uma daqui no máximo uns dois anos. Ainda tô começando a me planejar e procurando orfanatos pra voluntariar e conseguir minhas horas, pq tenho QUATRO ANOS de experiência…………………………… COM MEU PRIMINHO! hahahahahaha
    Enfim, to AMANDO acompanhar suas experiencias e venho aqui todo dia fuçar. hahahaha
    Bom, sorte aí!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Noooossa Carol! Tudo isso de experiencia com o primo não dá, né? Hauhuahauha!
      Ele ou sua tia tem sobrenome diferente de vc??? Às vezes dá pra dar uma mentirinha, só assinar com o outro nome na papelada huahuahua
      Olha eu enganando o sistema, né… mas eu sei bem como é essa vida!
      Boa sorte e obrigada pelo comentario!

  9. Bianca Bianchini   •  

    Oi Bia, tudo bom? é a Bianca, não sei se você se lembra, conhecemos vc (eu e minha irmã, que está em NY) no dia da entrevista do visto, naquele café.
    Adoro ler seu blog, é muito legal pra gente que esta no processo, thanks!

    A propósito, adimiradérrima com sua paciência com os hosts, ngm merece! hahaha mas se vc escolheu ficar mais é porque sabe o que é melhor pra vc =)

    Primeira vez que estou comentando, me atualizei aqui na sua vida auperiana! hahaha FORÇA GIRL! dont give up! hahahaha .. Ah, e você compartilha tanto da sua vida com a gente, permita-me compartilhar uma musica da Whitney que adooro com você, acho que tem SUPER a ver com o que você está passando e com a sua personalidade (for all I know).. se achar nada a ver, apenas descarte! hahahaaaha

    http://www.vagalume.com.br/whitney-houston/step-by-step.html

    beeeijinho querida.

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi, querida! Já te mandei msg no Facebook hahaha Claro que lembro de vc e da sua irmã!
      Mto obrigada por comentar aqui! E adorei a musica, tem mesmo tudo a ver comigo… e Whitney sempre será diva! haha Amei!
      Beijão!

  10. Fernanda   •  

    Depois que virei Au Pair comecei a entender os seus sumiços. Não sobra muito tempo para a gente! Li todo o post!! Espero que a situação com os hosts melhore :)

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Obrigaaaaaada por me entendeeeerrrr!!!! Sempre bom saber que não estou sozinha nessa vida hahaha
      Beijo, Fer! E obrigada!!!

  11. Ivy   •  

    Menina, abafa que essa vida de au pair é mesmo muito louca. Já tem quase dois meses que estou aqui, ou seja, quase dois meses que n comento no teu blog =O

    Venho lendo aos poucos o que perdi mas nunca comento. Com o post que acabo de ler, n posso deixar de comentar.

    O que foi essa história do peixe PELAMORDEDEUS!!!! Duas horas aqui rindo sozinhaaaaa!! Taking a nap? Serio que vc disse isso? Meu Deus!! Rindo até a agora imaginando essa cena hilária. Again!! Taking a nap? Really? kkkkkkkkkkk…

    Que tensa essa tua história com teus hosts, hein? Mas inda bem que está tudo tranquilo!

    E tua novela amerinaca/mexicana/inglesa/brasileira? Muitos países para uma história de amor, n achas? Que bom que deu certo, né? Feliz por vc =D

    Vou continuar lendo, tá? N prometo comentar sempre, mas sempre lendo.

    Beijos!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      FALA SEEERIO!!!
      Tava com saudade dos teus comentários já, Ivy! Como assim?!
      Mas agora cê tá na minha pele… diz aí se não é dificil???
      Minha historia com os hosts ja ta melhor, ainda bem… vamo ver como que fica nos proximos 7 meses, né!
      Mtos paises mesmo na minha historia! O que mais dá raiva são os fusos horarios huauhauhaua
      Beijo querida!

  12. Gabriella   •  

    Oi, Bia!

    Quanto jogo de cintura, ein menina? Mas que bom que tudo deu certo, apesar dos pesares. Continuo rente na torcida de que tudo continue se encaminhando bem, de uma maneira ou de outra.

    SUCESSO!!

  13. Adele   •  

    que bom q tudo esta melhor linda!!! amo seu blog!!! Continue assim.. e qndo vc menos esperar vc ja vai estar saindo dai… e ainda vai morrer de saudades!!!! forca! suas kids love you!!!!
    xoxooxox
    Deus abencoe voce!!!!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Nem me fale, vou sentir saudade mesmo! E minhas kids são tudo nessa vida hahaha Beijo e obrigada!

  14. Ana   •  

    Olá Beatriz!

    Quero dizer que tu é muito inspiradora, mesmo sendo super realista, tu escreve bem aquilo que a gente precisa ler!

    Força na peruca aí com as tretas, viu!

    Tenho lido bastante o blog, e queria fazer umas perguntinhas…

    1. Tu manda correspondência pro Brasil? Ou recebe? (coisas tipo dentro de caixas e tal), e é muito caro fazer isso?

    2. Nas tuas férias tu não cogitou a possibilidade de ir pro Brasil pq tu preferiu ficar por aí mesmo, ou pq é mto difícil/demorado/caro?

    Obrigada pelo tempo, beijo!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi, Ana! Muitissimo obrigada!
      Sobre suas perguntas… sim, mando e recebo correspondencias pro Brasil e sim, é bem caro!!!
      E nas minhas férias não cogitei de ir pro Brasil pelo simples fato de que eu tenho a vida inteira pra ir pro Brasil, ué! Se resolvi fazer intercambio é pq queria dar um tempo e aproveitar pra conhecer lugares diferentes… além de que é absurdamente caro! Bem mais barato ir pra Europa do q ir pro Brasil daqui dos EUA!
      Tenho saudade de casa, mas sei q todos q me amam tão la esperando, logo logo to de volta!

  15. Luana Vieira   •  

    Biiiia, volta a publicar! :)

  16. M   •  

    Oi, Bia! Descobri seu blog ontem e passei hoooooooras lendo todos os seus posts. Adorei o blog, adorei conhecer um pouco dessa experiência que você está passando.
    Uma amiga minha vai viajar em junho pra ser au pair, parece que ela ainda não tem uma família certa, mas está super empolgada. conversando com ela e lendo seu blog, fiquei super interessada também, mas fico com receio, pois namoro há dois anos e meio já, fico com medo de não aguentar as saudades ou mesmo que não dê certo durante o programa. e, como vc mesmo disse, é mais complicado se a pessoa for com algo “preso” no Brasil. Só acho que é um momento único na vida da pessoa e, se não fizer isso agora, não vou fazer NUNCA na vida. E esse NUNCA pesa tanto!!! Beijos e continua atualizando o blog.

    • Beatriz Morgado   •     Author

      É isso ai! Gostei do ponto de vista! Pense que esse é o seu momento e encare… boa sorte!
      Beijao!

  17. Ligia   •  

    Oi Bia, adoro ler ser blog *-*

    Parabéns.

    Eu procurei bastante antes de te perguntar por que já tinha ouvido falar mais como não achei, como era o nome da sua antiga maquina antes da profissional ?

    bjos e obrigada ♥

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Uma Sony Cybershot 300 e alguma coisa que tira foto panoramica huahuahua Nao lembro!!!!!

  18. silvia   •  

    Oi Bia, tudo bem? em qual parte dos EUA voce esta? tenho uma duvida… a sua chefe te leva na estacao de trem? como voce faz pra ir pra algum lugar encontrar as tais amigas? Vc paga sua passagem de onibus ou vaii de carro, eles te dao carro pra voce usar? Tenho varias duvidas. Eu vou explicar. Eu trouxe uma menina do Brasil pra morar comigo, mas aqui sou eu que acho que tou pagando mais do que devo, minhas filhas sao adolescentes e eu trouxe a menina so pra aprender ingles e pra cuidar da casa pra mim enquanto eu trabalho. Se voce nao puder responder eu ate entendo, mas se puder me ajudar eu agradeco muito… a sua chefe paga seu celular alem do valor do aupair ou voce conseguiu sozinha? sua escola de ingles, voce paga ou eles pagam? quando voce tem dia off ou quando voce vai pra escola, a noite ou no fim de semana? responde essas perguntas no post, vai ajudar muito quem como eu nao sabe onde se ja esta sendo chefe boa de mais. Moro em Long Island NY, sou brasileira, casada com duas adolescentes… abracos e boa sorte, forca ai… qdo eu vim pra ca as coisas foram bem dificeis pra mim, mas eu venci com muito trabalho. Na verdade de segunda a segunda, das 7hs da manha ate meia noite, babyssitter, hostess, garconette… saia de um trabalho e ia pro outro e tinha que pagar aluguel, comida, transporte, escola, celular, nao tinha ninguem pra me ajudar nao. Pelo menos voce tem amigos e tem um lugar pra morar.beijo

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi Silvia! Tô na Pensilvania.
      Não, minha chefe (minha host mom, pode ser? rs) não me leva na estação de trem, eu tenho meu proprio caro e dirijo pra lá. E é isso que faço tb pra encontrar amigas…
      Não posso sair do estado com meu carro, então quando vou visitar amigas em NY ou NJ ou vou de trem ou vou de carona com outras amigas que podem dirigir.
      Sim, eles me deram o carro, que tb uso para dirigir às crianças raramente! Eu pago minha propria gasolina, a não ser q seja pra dirigir as crianças pra escola e tal, aí minha host mom me dá dinheiro!
      Minha host mom me deu um celular e pagava a conta todo mês… eu tinha ligação e SMS ilimitados pra qualquer lugar dos EUA. Mas aí eu nao gostava do celular, queria um com internet pq eu costumava usar no Brasil e um plano q pudesse me comunicar fora do país, pois meu namorado mora na Inglaterra e minha familia no Brasil, aí acabei devolvendo pra minha host mom meu celular e comprei meu proprio… aí pago minha propria conta tb. Quase ninguem aqui faz isso, mas eu prefiro do que ter alguem q tenha acesso a todas as minhas chamadas e mensagens. É algo mto pessoal.
      Eu nao estudo ingles, mas meus hosts parents sao obrigados a pagar uma bolsa de estudos de 500 dólares ao ano. Eu fiz um curso de francês e um de música com esse dinheiro. Agora que vou ficar 6 meses, eles tem que me dar outra bolsa com a metade do valor (250 dolares).
      Eu tenho todos meus fins de semana off e minhas noites tb. Trabalho das 8 as 5. Eu ia pra escola só uma vez por semana das 7 às 11, agora ja terminei meus estudos.
      Espero ter respondido todas as suas duvidas. Fique à vontade para perguntar mais!
      Beijos!

  19. talita   •  

    Oi Bia, nunca postei aqui, mas achei seu blog mto legal e tenho lido bastante ele dpois que decidi ser au pair. Dá pra ter uma noção do que se passa por ai, mas é claro que cada caso é um caso neh. Não li seu blog inteirinho ainda, mas percebi que vc tinha um namorado aqui no Brasil. E ai vcs terminaram? Pq? Pq to meio preocupada com isso, namoro há sete anos aqui, e um ano longe é mta coisa neh. Como que fica? Não dá certo mesmo?

    Bjos boa sorte por ai…

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi, Talita. Sim, eu tinha um namorado no Brasil e terminamos porque não tava dando certo, é uma longa história. Eu falei um pouco disso num dos posts anteriores.
      Cada caso é um caso, não sei como é o seu namoro…
      Hoje eu tenho um outro namorado à distância. Depende do que é prioridade pra você nos momentos da sua vida. No começo do intercambio eu queria focar totalmente na minha nova experiência, em fazer novas amizades… agora minha vida aqui é meio \”normal\”, quase todas minhas amigas namoram… analise direitinho a sua situação e boa sorte!
      Beijos!

  20. Joy   •  

    Olá, sempre visito o seu blog e adoro. como estão indo as coisas por aí? não suma!! hhehehe. Gostaria de saber como vc faz com depilação, corte de cabelo, essas coisas indispensáveis no dia-a-dia. Semana que vem me inscrevo na stb. Vc tem alguma reclamação da agencia?? beijinhos!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi, Joyce!
      Eu tento não sumir, mas é dificil hehe!
      Depilação: eu compro cera (tem até uma brasileira que vende na farmácia) e me depilo sozinha, nunca vi lugares de depilação aqui. Mas eu tb não ia no Brasil, nao tenho mta noção de preço e coisas do tipo. Ou tb uso gilete.
      Corte de cabelo: só cortei uma vez aqui… foi absurdo de caro, mas nem ficou tão ruim.
      Cada um sabe do que precisa, eu sempre me virei sozinha com essas coisas de beleza… eu tiro minha propria sobrancelha, faco minha propria depilaçao, faço escova no meu proprio cabelo, faço minhas unhas… ai sei la, nunca fui mto de ir em salao e coisas do tipo haha

      E nao tenho nenhuma reclamacao do STB, sempre foram otimos comigo!
      Beijos!!!

  21. Ju   •  

    Biaaaa ,

    Cadê tu que nunca mais deu notícias … queremos saber das novidades … estou com saudades dos seus posts …

    Good news eu já tenho família embarco dia 15/04 já …Estou tão feliz!!!!

    Não deixe de ecrever afinal tudo que procuro no google sobre au pair sempre aparece seu blog, não sei o que seria de mim sem suas dicas e comentários aqui …

    Beijos .

    • Beatriz Morgado   •     Author

      To de volta!!!
      BOA VIAGEEEEM, logo logo cê ta aqui!!!
      Beijão e obrigadaaaaa!

  22. Carolina   •  

    hahaha imagino o menino! hahuahua

    Aiii é tensoooo! Tenso tenso tenso!:/

    Fica bem ai! Bjoo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *