Visitando a host family depois de 2 anos e despedida :( #fim

Nunca publiquei foto e nem nome das minhas kids aqui, sempre preservei a privacidade deles, mas essa eu não podia deixar de publicar! Olha que coisa mais fofa o cartaz que ela e a Bi me receberam na estação! Shuttle para Bia! É pra deixar qualquer um com cara de bobo, né? Duas lindas :)

Oi, gente bonita!

Voltei com as novidades dessa vida bandida! (rimou) Esse post vai ficar gigantesco, preparem-se e sentem-se confortavelmente!

Não terminei de contar pra vocês da viagem, né? Pois bem… depois do noivado bombástico que vocês acompanharam, já tive que me despedir do Thomas no dia seguinte, depois de 18 dias juntos 24h por dia! Que difícil! Como assim coloca um anel no meu dedo e vai embora? :(

Pois é! Para quem insiste em dizer que minha vida parece um conto de fadas, vocês me desculpem, mas nunca vi conto de fadas em que o príncipe chega no cavalo branco, pede a princesa em casamento e vaza! Mas ok, não é culpa de Thominhas! Ele tinha que voltar  pra trabalhar, né. Eu chorei bastante no aeroporto, mas o clima de tristeza acabou rapidinho quando me dei conta que perdi meu celular, hahahaha! A tristeza virou desespero e, quando achei o celular (na loja da Harley-Davidson, onde comprei um travesseiro de viagem), já era hora de a gente dar tchau de vez!

Eu sabia que o Thomas viria pro Brasil em 4 meses, então fiquei mais tranquila, pois difícil mesmo é quando nos despedimos sem saber quando vamos nos ver de novo! Mas faz teeempo que isso não acontee, grazadeus! E eu, como ainda  tinha alguns dias de férias sobrando, tava sentindo um mix de tristeza por dar tchau, mas muita empolgação, pois iria ver minhas kids depois de tanto tempo!

O Thomas foi pra outro terminal, onde pegou um vôo para o Reino Unido, pra passar 1 dia com a família e depois voar direto para um daqueles países do Oriente Médio, onde trabalha 99% dos dias do ano, me matando de preocupação. Enquanto isso, fui pro meu terminal e pro meu portão esperar o vôo direto de Las Vegas pra Philadelphia!

Enquanto esperava, postei no Facebook a novidade de eu ter ficado noiva, com foto e tudo! E foi assim que a maioria dos meus amigos ficou sabendo E foi assim que minha host, que já tava me esperando chegar, ficou sabendo também, hahahaha! Ela foi a primeira de 140 a comentar na foto algo tipo: “OMG!!! ARE YOU KIDDING ME? Chega logo pra me contar os detalhes!!! Love you!”

Foi engraçadíssimo ficar noiva um dia antes de visitá-los, pois durante esses últimos anos, eu e minha host trocamos vááários e-mails e ela sempre me perguntando: “E quando o Thomas vai te pedir em casamento? As crianças já estão ficando grandes demais para serem daminhas…” HAHAHAHA! E eu falava: “Sei lá, ainda tem chão…” E o dia finalmente chegou! Para os Americans, ficar “engaged” é algo gigantesco, fazem um auê absurdo! Acho que aqui no Brasil também fazem, mas eu não tinha a menor ideia.

Essa foto que postei teve mais de QUATROCENTOS likes e 140 comentários. Sério, me senti a pessoa mais popular do mundo ou o bafão era dos bons mesmo! Vocês vão concordar, né… pois é só ver a quantidade de comentários que o post do noivado recebeu comparado com os demais, super sem gracinhas e sem fofocas quentes, hahahahahahaha! Enfim, foi muito legal!

Saí de Vegas de noite e cheguei em Philly pela manhã! Ahhh, que saudade daquele aeroporto que já me levou pra tantos lugares! Foi muito nostálgico! De lá, peguei o trem para o subúrbio e fiquei surpresa como eu ainda lembrava das estações, sabia em qual descer, sabia olhar a tabelinha de horários, que um dia foram tão complexos pra mim… ai, ai, Bucks County. Cheguei!

Gente, nessa época, a Bianca Mauro, ainda era Au Pair da casa! Acho que nunca falei dela com detalhes aqui no blog, mas depois que fui embora, minha host family pegou uma Au Pair da Suécia (ou Suíça?) e era uma louca! Deu tudo errado!!! Ela ficou desesperada, me mandava mensagens todo dia pedindo ajuda… nossa, quebrou meu coração, principalmente porque foi no mês em que voltei pro Brasil e logo viajei pro Reino Unido, onde fiquei na casa do Thomas por quase 1 mês. Aí falava com ela de lá… aí fui ajudá-la a procurar outra Au Pair. Foi quando ela me mandou o contato da Bianca Mauro, brazilian, e pediu para que eu falasse com ela, contasse da família e tudo mais… e lá fui eu!

Falei com a Bianca por e-mail, contei todos os podres, falei tudo que eu não gostava, falei do trabalho duro, da summer house cheia de criança dos outros, falei da TPM do fofo… mas também falei de todas as coisas boas, porque apesar de tudo isso, eu tive muita sorte e curti muito minha experiência. Eu praticamente falei coisas pra Bianca do tipo: “Não faça isso se você não estiver REALMENTE preparada, gata. Pode ser uma grande cilada, Bino!” E sabe o que mais me surpreendeu?! A Bianca disse: “Eu dou conta, pode deixar”. E LÁ FOI ELA ser Au Pair da minha linda família :) E pra ter certeza de onde ela tava se metendo, acho que leu meu blog de cabo a rabo, né, Bi?! Hahahahaha!

No começo eu tive ciúmes de pensar que uma outra menina pegaria meu lugar, mas esse ciúme acabou na primeira vez que falei com a Bi pelo Facebook mesmo. Minha fofa só falou bem dela, disse que nós duas éramos incríveis, que ela tava se dando bem com as kids, que era tranquila! Eu via mesmo que ela cuidava bem deles e os amava muito! E isso pra mim é o que mais importa! Acabamos ficando amigas nesse tempo e depois de 1 ano e meio contei pra ela que tava planejando uma visita pra família… e esse dia finalmente aconteceu! Foi tão bom!!!

Combinei com a Bi todos meus horários de vôo e trem e ela ficou de me buscar na estação às 10 da manhã, mas meu vôo chegou muito cedo e acabei pegando o trem cedo também com medo de errar, coisa que não aconteceu! Por isso, cheguei às 7h da manhã e fiquei lá esperando! Postei algo no Facebook, tipo “cheguei no Bucks County”! Minha amiga Paty, aquela que mandei dinheiro pro casamento e contei no post anterior, leu isso e me ligou (eu tava com um chip americano no celular)! Nesse dia, ela tava de folga!!! Olha que sorte! E ela é minha ÚNICA amiga que mora perto da estação de trem que eu tava… aí ela foi lá encontrar comigo, matamos a saudade (e que saudade!!!), fomos no Subway dentro do Walmart tomar um breakfast e fofocamos por 3 horas. Foi uma delícia, exatamente como nos velhos tempos. Ahhh que saudade das minhas amigas, cara. Nessa época, ela ainda não tinha casado, tava noiva… e ela acabou casando com um cara muito legal, o Dan! E eu lembro como se fosse ontem do dia em que eles se conheceram e ela veio nos contar: “Nossa, tive um date com um cara SUPER NERD. Acho que não vai dar certo“. Vejam só! Ela casou e tá mais do que feliz :)

Perto das 10h da manhã, a Bi chegou na estação pra me buscar! Ela e minha menina mais velha! Ahhh que saudade! ENORME A GAROTA! E-NOR-ME! Uma mocinha… nossa, que emoção, gente! Eu apertei tanto aquela mini-pessoa! Abracei muito a Bi também e agradeci por ter ido me buscar! Me despedi da Paty e já fomos fazer programa de Au Pair!

Nunca publiquei foto e nem nome das minhas kids aqui, sempre preservei a privacidade deles, mas essa eu não podia deixar de publicar! Olha que coisa mais fofa o cartaz que ela e a Bi me receberam na estação! Shuttle para Bia! É pra deixar qualquer um com cara de bobo, né? Duas lindas :)

Nunca publiquei foto e nem nome das minhas kids aqui, sempre preservei a privacidade deles, mas essa eu não podia deixar de publicar! Olha que coisa mais fofa o cartaz que ela e a Bi me receberam na estação! Shuttle para Bia! É pra deixar qualquer um com cara de bobo, né? Duas lindas :)

Naquele fim de semana, seria a festa de aniversário dela, da S., na sexta e a do J., meu menino, no sábado! Por isso, precisamos passar em um lugar para alugar equipamento de som, balões, coisa pra festa e tal. E lá fomos nós! Cara, até desses serviços de corno me deu saudade, viu? Até porque a S. tá grandinha, toda boazinha, ajudando, fazendo comentários adultos… nem parece a mesma menina mimada, que ficava no banco de trás do carro só reclamando que queria ir embora O TEMPO TODO. Fiquei tão orgulhosa dela! E apaixonada por aquela criança… já queria botar na mala de novo!

No começo ela tava bem tímida comigo, mas foi se soltando e logo tudo ficou como era antes. Adorei ver a relação dela com a Bi, super respeitando, super carinhosa! Não poderia ser melhor, gente. Sério… é uma delícia!

Escolhendo balões!

Escolhendo balões na dollar store!

Depois de todos os afazeres de aniversário, fomos pra casa. Confesso que eu tava com um frio na barriga de tanta ansiedade pra ver as crianças e meus fofos :) Entramos pela garagem, como sempre (até o barulho insuportável da porta abrindo me deu saudade) e, de repente, sai minha host com os gêmeos GIGANTES. Quase morri do coração! Todo mudno me pergunta se eles me reconheceram e é claaaaro que não, né. Eles tinham 2 anos quando saí de lá, bebês… e dessa vez já estavam com 4, super falantes. Mas eles sabiam que eu não era uma pessoa estranha, sabiam meu nome e que eu já tinha sido babá deles. Não foi completamente estranho.

Dei um mega abraço na minha fofa! Que saudade dela!!! E a primeira coisa que ela quis saber foi do noivado e a primeira coisa que quis ver, foi o anel, é lógico! hahaha Não entendo essa obsessão dos americanos com anéis de noivado! No Brasil a gente nem tem essa cultura! Muito esquisito!

Cheguei lá numa sexta-feira cedinho e fiquei até terça no final da tarde! Resumindo tudo, eu AMEI conhecer a Bi e nem tô falando isso só porque ela lê o blog, mas porque ela é realmente especial e me recebeu superbem! Fiquei muto feliz!

Entretendo as quiançaaaa

Dupla de Au Pairs entretendo as quiançaaaa

Minha fofa está a mesma coisa, mas sem dúvidas é diferente ser a Au Pair da casa e ser uma visita comum. Claaaro que fiquei muito mais com a Bi, ajudando ela com as kids, ajudando com as coisas normais da casa, mas o tratamento mudou bastante! Ficamos na cozinha conversando, perguntei da família, das crianças, da família do meu fofo que sempre tem bafão… esse tipo de coisa! Nesse meio tempo, meu menino chegou em casa de um playdate junto com o avô! Nossa, quase morri de apertar ele (o menino, não o avô, ;e claro, hahaha)!!!

Foi uma delícia, pois os dois maiores lembravam muiiito de mim! Lembravam de coisas que até eu não lembrava e falavam coisas tipo: “Bia, lembra quando fomos naquele passeio bla bla bla?” aí eu lembrava!!! Foi muito gostoso :) Meu menino tá um adultinho já, cheio das namoradas… fiquei chocada com a desenvoltura dele. E ele sempre foi fofo, carinhoso, brincalhão… não mudou nada! :)

Em algum momento, saímos para comprar flores para decorar a festa de aniversário da minha menina, que seria naquele mesmo dia, às 20h! E adivinhem o tema da festa: festa do pijama no cinema! Meus fofos montaram um telão GIGANTE no quintal e chamaram todas as amiguinhas, que levaram edredom e travesseiro. Aí colocaram um filme de menininha e ficaram assistindo. Enquanto isso, a fofa com as amigas conversavam e tomavam Coronas na varanda, tudo como nos velhos tempos! Fiquei com a Bi o tempo todo olhando as kids, conversando e atendendo às necessidades da galera, hahaha!

Festa simprona da kid!

Festa simprona da kid!

Eu lembrava de várias amigas da fofa e fiquei um tempinho conversando com elas, mas era ridícula a reação delas com o meu noivado. Minha fofa chegava assim: “This is Beatriz, she was our Au Pair 2 years ago before Bianca! And guess what… SHE JUST GOT ENGAGED!!!” Quando ela falava isso, as nega já avançavam no meu dedo querendo ver o anel!!! Eles tem uma coisa meio: “Quanto melhor o diamante, mais você é amada”. E eu digo melhor e não maior, pois tem diamante gigantesco que não tem a mesma qualidade de alguns pequenininhos (coisa que você aprende ficando noiva de um gringo que levou a família inteira para ajudar a escolher o mais bonito. E eu não faço ideia do padrão do meu, só sei que é lindo e nunca imaginei ter um negócio desses no dedo, hahahahaha).

Enfim, foi um forféééé com o anel e zilhões de perguntas sobre o que vou fazer da vida, se já decidi a data, se vou morar no Brasil ou no UK, se já vi vestido… gente, alô! Fiquei noiva ONTEM! Literalmente! Hahaha! Muito esquisito! Elas com aquele american way of talking: “OH MY GOD BEATRICE (pronúncia american pro meu nome)!!! YOU ARE KIDDING! OMG (ponúncia: ôu – ém – dí!!!)! I CAN’T BELIEVE YOU ARE GETTING MARRIED, THAT’S WONDERFUL, SO CUTE, GOD BLESS, OMG, OMG OMG!!!” E eu lá com aquela cara de pônei maldito sendo atacado por host moms super excited.

A festa da menina foi uma graça, mó galera dormiu na casa! No outro dia, eu e a Bi fomos no meeting das Au Pairs em Doylestown, cidade que eu frequentava todo fim de semana, vender limonada para ajudar uma instituição para crianças que tem câncer bem conhecida nos EUA, a Alex’s Lemonade.

IMG_0664

Au Pair meeting!

Quando cheguei lá, foi a coisa mais nostálgica do universo. Minha LCC tava lá, naquele caos de sempre, e fez um auê enorme quando me viu, me apresentou pras meninas e tal. Ahhh eu gosto dela, a querida Joanne! Aí teve aquela coisa de sempre; de fazer a rodinha e falar seu nome, qual seu país, qual cidade mora e de quantas kids cuida. Aí eu falei que era ex-Au Pair da casa da Bi e tal… e foi super bacana. Ficamos um bom tempo lá, distribuindo cartazes e chamando as pessoas pra tomar limonada e fazer uma doação. Conseguimos uma boa grana :)

As Au Pairs!

As Au Pairs!

Eu e a Bi ficamos até o final ajudando a LCC a limpar as coisas e organizar, enquanto boa parte da galera foi embora! hahaha Mas foi muito bacana, ela lembrava bem de mim e principalmente da confusão que foi pra eu vir embora antes da hora. Perguntou até da minha avó e ficou meio em choque quando eu disse que faleceu logo depois que voltei pro Brasil, pois ela com certeza era uma das que achava que essa história de vó doente era mentira. Eu queria muito que fosse, gata!

A balada que eu ia toooodo fim de semana quando morava nos EUA! Saudades, tefinha!

A balada que eu ia toooodo fim de semana quando morava nos EUA! Saudades, tefinha!

Aí voltamos pra casa pra descansar um pouco, pois à noite seria a festa de aniversário do menino. Gente, haja fôlego para duas festas seguidas em um fim de semana, né? Minha host ficou o dia todo deitada no sofá, coitada! Ela tava morta! Disse que uma das amiguinhas da minha kid ficou com medo de dormir sozinha a noite e foi chamar ela pra dormir junto… imagina! Aí minha fofa passou a noite em claro.

A sorte é que a responsabilidade da festa do menino era DO PAI. Acho legal eeles dividirem assim! Ela se matou pra festa da menina e agora o pai que se vire pro menino… mas homem não tem as manhas, né? Tanto que aconteceram várias coisas na festa dele, que era tema “acampamento”, tipo soltar fogos no quintal, dar errado e quase queimar alguém vivo! SÓ ISSO.

Tenho que fazer uma pausa aqui pra vocês entenderem um fato:

OS GÊMEOS ESTÃO SUPER DIFÍCEIS, mas lindos :)

Eu fiquei meio em choque no começo, pois a minha memória deles era completamente diferente do que eu tava vendo. Eles estão muito desobedientes, birrentos, egoístas… foi um choque mesmo, pois apenas a menina era difícil quando eu tava lá, mas nada comparado a agora! Tanto que apesar de ela ter sido bem birrenta, era minha kid favorita!!! Eles só ficavam falando que não gostam de mim e nem de ninguém, que eu deveria voltar pro Brasil, falando várias coisas means, brigando, esse tipo de coisa… mas não era só comigo, era com todo mundo! E a menina ficou com raiva, porque eu fiz uma brincadeira dizendo que ia dormir na cama dela… ela disse que não queria e disse que não gostava de mim porque eu ia roubar a cama dela, o cobertor dela e tudo dela, hahaha! Gritava, chorava, super rabugenta. Mas ainda assim, ela tinha uns momentos de carinho, bem raros…

Fazendo birra!

Fazendo birra!

Depois de eu me dar conta do comportamento dos gêmeos, que brigavam a ponto de um enforcar o outro, de morder e bater, falei sutilmente com a minha host que eles estavam bem difíceis e não entendia o motivo! Aí ela meio que desabafou comigo, que se sentia culpada por ter mimado demais os dois. E isso aconteceu porque eles nasceram super frágeis. Não sei se já contei aqui, mas minha fofa estava grávida de trigêmeos e um dos bebês morreu :( Os outros dois nasceram bem prematuros e muito doentinhos, por isso a atenção era DEMAIS pra eles, mesmo depois de já grandinhos. Eu acho que os gêmeos foram mais mimados e cirados de uma forma bem diferente dos outros dois. Acho que por isso minha menina era tão carente e sentia tanto ciúme dos dois… tadinha!

Mas anyway, minha host até comentou de colocar os dois na terapia, pois tá bem difícil mesmo e ela não sabe mais o que fazer, às vezes acha que é fase, às vezes percebe que tem algo errado. Até os avós ficam impressionados, sabe? Me cortou o coração! Acho que falta muito pulso firme! E aqui está o exemplo que quero dar pra vocês…

No aniversário do meu menino mais velho, o J (ele fez NOVE ANOS, alguém me segura?), reunimos todos os convidados pra cantar parabéns, a família na ponta da mesa, eu e a Bi nos cantos e os outros convidados de boa. Aí o B, meu menino mais novo, um dos gêmeos, começou a fazer uma birra porque queria comer o bolo RIGHT NOW! E aminha host falando pra ele que poderia comer à vontade depois de cantar parabéns. E ele continuou fazendo birra, I WANT IT NOW! E meus fofos na maior paciêcia falando pra ele parar de choramingar, ou iria pro quarto… e esperar pra comer daqui a pouco. Ele ficou tão enfezado e TACOU A MÃO NO BOLOOOOOOOO! GENTEEEE, ENFIOU A MÃOZONA, tipo dando um tapa naquele bolo lindo e colorido que os avós mandaram fazer e devia ter custavo o olho da cara!!! Cara, se fosse eu, não importa a idade, minha mãe teria me dado uns bons tapas ali mesmo e não tem essa de não pode bater em criança!!! Eu apanhei bastante na época em que não se falava nessa coisa de traumatizar… e AMO meus pais! Acho isso um monte de bobagem!

Galera reunida pro parabéns e o bolo bonito!

Galera reunida pro parabéns e o bolo bonito!

Nossa, me subiu o sangue! TADINHOOOO do meu moleque aniversariante. A cara dele foi impagável, morri de dó. Aí meu fofo simplesmente pegou o B no colo e disse pra não fazer isso, mnha fofa ficou meio “arrumando o bolo” COM O DEDO e prosseguimos o aniversário.

Essa cena foi tão chocante que nem sei se tô contando ela certo, mas fiquei perplexa. Eu olhava pra Bi, a Bi olhava pra mim… tipo WTF??? Ela é uma santa, gente. Sério. Se eu fosse a Au Pair aquela hora, eu mesma pegaria o moleque pelos bracinhos na frente do pai e tudo, não ia ter essa desenvoltura que a Bi tem não!!! Jesus…

O resto do aniversário correu super bem! Tinha uma fogueira, onde eu e a Bi passamos boa parte da festa conversando, assando marshmallows e tomando conta das kids! Foi tão bom :) Aí teve o incidente dos fogos, onde meu fofo e os irmãos já totalmente DRUNK resolveram soltar fogos, só que deu merda, o fogo ricocheteou e foi em direção às crianças. Muita sorte não ter acontecido nada, mas foi um pânico geral. Minha fofa ficou p. da vida, hahaha! Clássico, né?

A fogueira e os marshmallows!

A fogueira e os marshmallows!

Aahhh, esqueci de contar outra coisa dos gêmeos! Minha menina ganhou um joguinho de chá de bonecas de porcelana pra ser pintado a mão, aí passamos o dia fazendo isso: eu, ela, as amiguinhas dela e a A, minha menina mais nova, a outra gêmea. E claaaro que como a S tinha ganhado as coisas, ela queria pintar o que ela escolhesse… aí a pequena tirava tudo da mão dela, queria pintar os maiores, só ela podia pintar com rosa… esse tipo de coisa, sabe? Se fosse na minha época, a S teria chorado por horas e contado pra mãe: “Mãeeee a A tá pegando meus brinquedos e sendo má comigo”, com toda razão… mas não!!! Sabe o que a S diva linda fofa demais fez? “It is ok, A… you can have it. I know you don’t understand how important it is to me so you can play with my stuff“. OLHA QUE DEUSA GENTE! Nem eu consigo ser tão boazinha assim, fala sério. E ficava lá a irmã mais nova, maldosa, pintando todas as coisas que nem eram dela, arrumando motivo pra reclamar a cada 5 min enquanto a S pintava uns pratinhos sem graça do jogo de chá… aff… aquilo me deu uma raiva. Mas ok, passou… ainda amo aqueles kids :)

No dia seguinte, eu, a Bi, os gêmeos e a S fomos pra piscina da cidade! E foi nesse dia que eu curti mais, pois os gêmeos estavam bonzinhos, com mutia coisa pra se distrair… e tavam me tratando super bem, acho que acostumando com a minha presença. Não brigaram e tb estavam super obedientes! Eu fiquei até emocionada vendo eles nadarem na piscina sozinhos!!! brincamos a tarde inteira lá :) A S, tadinha, brincou sozinha a maior parte do tempo, mas se virou bem, coisa que era impossível antes! E ela tá uma fofa, nadando direitinho, muito meiga. Olha, só orgulho, viu :)

Depois, levamos eles pra assistir a um show de mágica na biblioteca e eles amaram!!!

Os gêmeos brincando em paz! Amém!

Os gêmeos brincando em paz! Amém!

O show de mágica!

O show de mágica!

Ah, esqueci de contar pra vocês dos avós! GENTE! Vocês lembram como eu amava os avós, né?! Porém, quando eu fui embora, ficou muito estranha minha relação com o avô, pois ele achava que eu tinha ido embora porque deu pau com o carro e que inventei toda a história da minha avó… enfim, ficou um climão, ele mal falava comigo nos últimos dias. Mas dessa vez foi muito diferente! Os dois tavam um amor comigo! E acreditam que até me deram um engagement card???????? Sério!!! Minha fofa deve ter contado que eu fiquei noiva e eles fizeram questão de me dar um cartão mega fofo! Ah cara… fiquei mole mole né? De verdade!

O engagement card que ganhei dos avós!

O engagement card que ganhei dos avós!

Teve um dia que eu tava lá jogada na sala com meu menino e veio um cara arrumar a TV acabo. Um cara gateeeeenho!!! Imagina se os caras que arrumassem a NET aqui fossem gatos, hahahaha só pelego, falaí!!!!! Mas foco, Beatriz, você é noiva… aí o avô começou a trocar ideia com o nego da TV a cabo, um completo stranger, na minha frente, e disse: “Esse aqui é meu neto mais velho e essa é a Beatriz, she is from Brazil e já foi babá das crianças. Hoje é uma grande amiga da família, está nos visitando por alguns dias e estamos muito felizes com isso!!!” FIQUEI EMOCIONADAAAAA! O cara: “Hey Beatriz, that’s very nice!” Aí o cara já meio flertando comigo, quando o avô disse: “Ela está noiva de um moço que conheceu na época em que morava aqui nos EUA! Acabou de voltar de Las Vegas, onde got engaged”. Aí o cara falou congratulations e tal. Gente, que fofo o avô falar assim de mim pra um estranho, né? Gracinha!!!

Ah, além do engagement card, não posso esquecer de contar que ganhei um presentão da minha host de engagement!!! Ela pediu pra minha kid me entregar… que fofo, gente. É um quadro bem grandão que sabe lá deus como enfiei isso na mala pra trazer de volta, mas deeuuuu! E ela assinou atrás com as iniciais de toda a família!!! Quis morrer, né? Apertei aquelas pessoas com toda a minha força, de tant a fofura… isso eu chamo de recompensa por todo o esforço! Eles com certeza farão parte da minha vida pra sempre!!!

O quadro que ganhei da família :)

O quadro que ganhei da família :)

Aííí, depois do dia na piscina, eu pedi pra Bi passar no Wawa (lembram do Wawa? Tipo o 7Eleven da Pensilvânia, só que 200x melhor) porque eu queria matar a vontade de várias coisas! Aí fizemos um picnic em frente a um lago, ficamos lá fofocando e vendo a paisagem até o sol se por. Foi uma delícia!

IMG_0798

tudo que falta no Brasil para ser um país melhor!

IMG_0800

Bibs linda!

Picnic de Wawa com a Bibs!

Picnic de Wawa com a Bibs!

Não lembro exatamente em qual dia foi, mas marquei um jantar no Applebee’s de Doylestown com minhas amigonas do Bucks County e aproveitei para apresentá-las pra Bibs! A Paty (que foi me encontrar na estação de trem), a Carol, uma das minhas melhores amigas, que já era casada quando eu tava lá e há mais ou menos 1 mês ela me contou que está grávidaaaaaaaaa eeeeeee, que alegria! Era tudo que ela queria :) E tb foi a Dai, que se casou logo depois que fui embora! Só as queridas! Foi mutcho bommm!

Dai, eu, Carol e Paty! Minhas amigas queridas que morro de saudade!!!

Dai, eu, Carol e Paty! Minhas amigas queridas que morro de saudade!!!

Gente, esse post tá ficando ridículo de grande, então vou parar por aqui.

Só posso dizer que depois disso, veio o dia seguinte, a Bibs me levou na estação de trem junto com a S, que chorou muiiito, tadinha :( Ela tá tão grande e linda! Queria levar na mala ocmigo! E lá fui eu chorando no trem, tentando me conformar que aquele era o fim da viagem mais incrível ever: passeei com o mozão, fiquei noiva, vi as kids, vi os fofos, conheci a Bi pessoalmente, vi minhas amigas… olha, só alegria! Só tinha a agradecer!

Bi, um beijo especial pra você e obrigada por tudo! Boa sorte de volta ao Brasil! Espero que você esteja se readaptando bem, pois não é fácil! <3




Comentários

Comentários

36 Comments

  1. Marina Mariah   •  

    Não aguentei com esse seu post, Bia. Acho que tô meio fresca esses dias, então acabei chorando (Okay, não acho não, tenho certeza que estou/sou fresca).

    Eu meio que tava evitando fazer um comentário assim, não sei pq, mas com esse seu post eu não resisti…

    Eu sempreeeee sonhei em fazer intercâmbio e desde que descobri sobre o programa de Au Pair em 2008 (!!!!!!!!!) eu sonho em fazer ESSE programa. Não outro, mas ESSE.

    Aí eu ficava inventando mil desculpas na minha cabeça pra não fazer, porque eu sou medrosa, porque eu sou muito apegada a tudo aqui no Brasil, mas agora que eu tô me formando esse ano eu não consegui mais… Meu coração fica pequenininho só de pensar em não correr atrás do meu sonho.

    Então eu fui na agência, e quando me dei conta eu estava fazendo o teste de inglês no mesmo dia, e em 5 dias eu entreguei o application e fiquei online duas semanas atrás e agora eu tô morrendo de medo de novo! E só fico pensando em tudo de ruim que eu já li (porque eu leio muito, desde 2008), e então eu começo a desistir. Já canseeeei de reler o seu blog, de ver a sua história, mas parece que é uma coisaaaaa porque aí chega você aqui com esse post e me prova que esse meu medo todo é nadaaaa perto do tamanho do meu sonho.

    Isso tudo que você falou nesse post, todas as dificuldades que você passou, mas que apesar disso você ama a sua família, amou a sua experiência e pôde tirar disso várias coisas lindas… Tudo isso me inspira e me dá mais coragem! Por isso que não me canso de ler o que você compartilha aqui com a gente. Tudo isso só me faz ter mais certeza de que cada um passa pelo que tem que passar, e que depende mais de nós mesmas fazer a nossa experiência ser boa do que dos outros (afinal, a gente tem mesmo que ir preparada pra tudo e tentar de todas as formas fazer isso valer a pena),

    Mas então, vou parar por aqui porque eu tô sento muito fresca, mas eu queria agradecer por você compartilhar tudo isso aqui. Se inspira e dá coragem a mim, tenho certeza que muitas meninas também são impulsionadas a correr atrás dos sonhos graças a você!

    (E agora é a parte em que chega Marília, lê meu comentário e balança a cabeça com ar de reprovação pensando “Marina é muitoooooo fresca mesmo”. but i dont care.)

    Beijos, Bia!

    • Marina Mariah   •  

      nussssssss, sorry!!!!!
      não vi que ia ficar tão grande!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Marina linda! Eu é que quase chorei com seu comentário! Desculpe, pessoal… mas esse foi, sem dúvida, um dos mais lindos que já recebi!
      Eu até te mandei uma mensagem no Facebook agora pedindo pra você me deixar publicar, porque tem outros aqui dizendo que você ficou com vergonha do tamanho da mensagem! Poxa… esses são os melhores! Eu amo quando os leitores tb dividem suas histórias comigo! Como vocês dizem, vocês já se sentem minhas BFFs, mas eu não conheço vocês e nem o que está por trás da tela… e adoro quando alguma coisa é revelada! De verdade!!!
      Obrigada por compartilhar tudo isso comigo, fico feliz em saber que meu blog desperta todos esses sentimentos em você! Nunca tive nenhua intenção com esse blog, nem de ficar famoso, nem de mudar a vida de alguém, nem de ganhar dinheiro, nem de vender Natura… hahahaha as coisas vão acontecendo e a gente nem percebe!

      Você falou um monte de coisa bacana, que até fez EU perceber que, apesar de tudo que passei, só tirei o melhor da experiência, amo minha host family e faria tudo novamente. Ninguém disse que seria fácil, mas como você disse, depende de você fazer ser a melhor \”viagem\” da sua vida!!!

      Eu é que agradeço por você me ler SEMPRE! E torço pro seu sonho se realizar… de verdade :)
      E fala pra Marilia deixar de ser coração de pedra! Vocês são minhas irmãs favoritas, hahaha amo ver as duas aqui!

      Beijão e sorry por publicar seu comentário, mesmo com você pedindo pra não fazer isso :P

  2. Flávia   •  

    Mais uma vez.. li td! kkkkk Ai, parece q qdo eu to lendo, tá acontecendo comigo… Parece q sou eu lá passando por isso… maior legal :D kkkk Aii bia qria ser sua amiga pessoalmente pra gente conversar, parece q vc é tão legal!!! Moro aqui do lado, em Limeira!! Quem sabe a gente se esbarra algum dia por aí…

    Sobre o post.. depois de td (coisas boas e ruins) que vc passou por lá na época de au pair, é tão legal ver vcs se reencontrando assim… É tipo um encerramento, a conclusão de uma conquista! Fico feliz por vc! Mostra pra gente os preparativos do casamento! bjss Bia

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Hahahahaha oiii Flávia!
      Eu trabalho com um monte de gente de Limeira! É bem pertinho mesmo!
      Olha, agora acho que vai ser difícil a gente se esbarrar porque tô de mudança!!! Mas quem sabe! Seria muito legal mesmo :)

      Muito obrigada, viu!
      Pode deixar que vou contar tudo! :*

      • Flavia   •  

        Kkkkk verdade, pode ser um pouco difícil.. Sei q vc ta de mudança pra Alemanha, mas não perco a esperança! Tipo, amanha do indo pra ai.. Em algum shopping kkkk who knows.. Bjss

  3. Ana Caroline   •  

    Ahhhhhhh que lindo!!!! Foi a melhor viagem da sua vida né?? Uhuuul!! Hahaha

    Vc falando que o menino já tava com varias namoradinhas e eu pensando, qual a idade dele? 9 ANOS!!!! Uma criançaaaa kkkkkk

    E a menina maior, que fofura <3 Uma pena que os gêmeos estão nessa fase dificil, mas logo devem melhorar :P

    É bom ver esse seu retorno, e o irmão gato (era irmão?!) do seu host? Ainda existe? :P

    A Bianca foi super corajosa em assumir esse job né??

    Beijos!!!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      oiiiii ana (ou carol? ou ana carol? ou só ana? ou ana caroline mesmo?)

      pois é, eles tão muito fofos! mesmo os gêmeos! foi uma delícia!
      éééé o irmão do host hahahaha ainda falo sempre com ele pelo facebook! ele tá pelo mundo! quando eu tava nos EUA, acho que ele tava nas bahamas, sei lá, viajando em algum lugar do caribe!

      a bianca é demais!!!!!

  4. Luana   •  

    Ai, bateu uma badzinha com o fim dos posts da trip(que nem quando a gente termina de ler um livro muito bom ou depois que assiste o último episódio de uma das séries favoritas haha), mas tô ansiosa pelos próximos posts sobre seu estágio e as novas aventuras na zoropa /uhul

    Beijos. :)

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Hahahahaha calma que ainda tem muita coisa pra contar :)
      Tem 1 ano de Alemanha e casório!!!

  5. Gabriella Garcia   •  

    Biiiaaa!! Agora vou acostumar a sempre comentar… haha

    Que legal reviver sua vida de Au Pair por uns dias!!!

    Que enorme que sua menina está, e bem madura também! Eu jamais me comportaria dessa forma. Nem hoje que sou adulta sou tão boazinha com crianças, imagina na idade dela. Será que isso é cultural? Porque nunca vi uma criança aceitar isso aqui no Brasil.

    Juro que nunca entendi essa obsessão americana por anel de noivado. Enquanto aqui no Brasil tem gente que nem aliança quer usar mais. Hahahaha

    E que reação a deles ao saber do seu noivado!! Que bom esse carinho que eles tem por você, apesar dos mal entendidos do passado. Lindo o quadro, muito fofo mesmo! Muito legal você ter essa relação com os hosts e com a atual Au Pair. E o avô, super fofo da parte dele ter te recebido desse jeito!

    Deu até uma invejinha aqui das festinha das kids. Falam que americano não sabe fazer aniversário de criança, mas a sua família me pareceu uma exceção.

    Não que eu pense que a sua vida seja um conto de fadas. Mas como você geralmente mostra as partes boas, as ruins acabam em segundo plano.

    Todo sonho tem um preço, e ficar longe da família pra ser Au Pair é um preço que você pagou, mas com isso vieram muitas coisas boas, como você mesma escreveu em uns posts atrás. Namorar a distância acredito que seja ainda mais difícil, mas em troca você achou um cara legal, que te respeita, faz um pedido de casamento super fofo só pra te agradar *-* (não generalizando, mas os brasileiros estão longe de agirem dessa forma)… e mesmo quando você desconfiou dele ele não ficou bravo. Quer mais que isso? hahahaha Brincadeira, eu sei que ainda assim é difícil.

    Mas, a sua história serve de muita inspiração pra quem quer entrar no mundo aupairiano, mesmo que essa não fosse sua intenção.

    Foi o blog mais animador que eu já li até agora. Sempre que estou perdendo a vontade volto aqui pra reler sua história. Obrigada por compartilhá-la :]

    Mais uma vez parabéns Bia! Por tudo. E que as coisas continuem a dar certo pra você. Você merece!

    Beijos!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Eba! Pode acostumar! Eu fico super feliz :)

      Olha, não sei… eu acho que ela se conformou que a irmã faz essas coisas e em vez de piorar a situação, ajuda! Menina de ouro, fala sério!

      Não sinta inveja da festa das kids… sério. Parece o máximo, mas não é tudo isso!!!! Cadê os docinhos? Cadê a música animada?
      Ainda prefiro as festas no Brasil, apesar da minha família realmente conseguir fazer coisas bacanas!

      E sobre o namoro à distância… bom, só sabe quem vive isso mesmo! Quando eu conto pras pessoas, elas dizem: \”NOSSA não sei como você aguenta, fico 2 dias longe do meu namorado e já acho que vou morrer\’, hahaha se alguém me contasse eu tb acharia bizarro, mas aí as coisas vão acontecendo e você descobre do que é capaz para fazer dar certo. Mas é MUITO difícil… já pensei em desistir várias vezes. Acho que só acalmei depois de ter ficado noiva mesmo! Pelo menos esse ritmo agora tem data pra acabar!

      Beijos Gabi! E obrigada por comentar!!!

  6. Jeh   •  

    oooooooooooown que coisa mais linda esse post!!!

    Eu tenho a sorte de morar na mesma cidade que minha antiga host familly ne, então a cada mes eu dou um pulo la pra ver as minhas 3 meninas, e eu estudo com a atual au pair delas e tb senti ciuminho no começo mas agora ta td bem sabe? Minha nenins que completou 2 anos no dia seguinte do meu ultimo dia de trabalho ta cada dia maior! ela faz uma festa quando eu chego, coisa mais linda!!!! dando pulinhos e um abraço de urso! a de 6 anos continua bagunceira como sempre e a de 9 anos ta uma princesa tb, mas sempre que eu chego pula no meu colo e esquece que eu so tenho 1,54 de altura e quase me derruba hahahaha

    E esse lance de criança mimada é foda mesmo viu, eu tinha esse problema com a de 6 anos que falava que a nenem roubava a mae so pra ela!!! era cada crise de ciumes…… dava uns tapas na nenem e tudo! eu colocava ela de castigo TODA SEMANA!!!!

    Muito bom ver eles sempre!!!! e elas amam meu namorido, minha host me deixa de lado pra ficar falando com ele! ela diz que como meus pais nao estao por perto é deles o dever de ver se Nicolas ta cuidando bem de mim hahaha

    Fiquei feliz de ver que vc aproveitou bem essa viagem!!!! tao bom fazer essas coisas na nossa vida!!!

    bjinhossss

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Que sorte a sua!!!
      Se eu tivesse conseguido a vaga de Chicago em vez da Alemanha na Bosch, eu tb iria visitar minhas kids todo mês! Já tava até planejando isso! Mas vai ficar pra próxima vez que eu for pros EUA! Já tá com saudade dos nanicos!!!

      • Jeh   •  

        ah mas Alemanha vc ta mais perto do boy enquanto nao casa poxa! hehehe

        Mais romantico!

        • Beatriz Morgado   •     Author

          é verdade! já cansei de morar em continente diferente!

  7. ISIS   •  

    AHHHHH que post lindo S2 super esperei e valeu a pena!!

    GENTE eu imagino seu sofrimento assim qe o Thomas partiu right AFTER te pedir em casamento =x mimimi te admiro Bia!!!

    E aaaaaaah arrazo a festa da menina com telao e noite do pijama, MASSA DEMAIS- sentimento de eu tbm quero…mas ja to velha pra isso ? =( terei que esperar pra fazer pra minha filha (daki uns 15 anos pelo menos haihaiuhaui), e a festa do menino tb arrazo fora o fato que quase cai da cadeira lendo o que o irmao menor fez com o bolo :o geeez

    eu mesma ia socar a cara do irmao, sobrinho, primo, amigo do primo, amigo meu….se fosse minha festa :l fiquei de cara que o aniversariante nao fez NADA??? os pais ficaram no ‘nao faca denvo’ e eh isso…? omg choquei forever :l e essa mae host sua gente me da medo dela :o sei qe vcs se amam e tao super no love (na distancia ne? vc no BR ela a 9875432km de vc), mas tu partiu pq tava de saco cheio com ela e o que ela te fez passar (entre outras coisas), nao ???

    mas achei lindo os avos te darem cartao e tudo de felicidades, assim como falar bem de vc, e ate o hostmom que tenho medo dela ter te dado o presente e te tratado super bem, da pra ver que ela gosta mesmo de vc *_*oin

    Adorei saber da Bianca que ficou no seu lugar, saber das criancas e o fato de vc tar la e reviver ao menos um pouquinho de tudo que vc viveu eh simplismente incrivel S2 eu mal posso esperar pra reviver um pouco das minhas viagens….

    E agora vc vai escrever um pouco mais sobre suas aventuras nos EUA ? pq tu nao faz um post falando de uma data especial que tu passou la,posso tar errada mas nao lembro tu contando do Hallowen(vc levo as kids pra trick or treats? ou ate mesmo seu aniversario, ou das kids (como foram as outras festinhas?)….lembro de ter lido do natal que vc ganhou milhoes de presentes ate dos avos ne??

    ou conta da sua EuroTrip ? plssssssssss ctz que tem mais mulherada querendo saber os bafoes que rolo por la…tu conto um pouco so que sem muuuuuuitos detalhes :p

    haiuhaiuahiuahiua

    enfim continue escrevendo qe dou mta risada com seus posts e adoro ler os bafoes/fofocas kkkkk

    bjs ;*

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oi Isis!!!
      Eu fui embora por vários motivos! O principal deles foi a minha avó ter ficado doente, foi a gota dágua pra eu ver que não dava mais pra ficar lá. Depois o carro que afundou na enchente e me obrigou a ficar presa na summer house dividindo cama com kids e amigos dos kids, depois na casa, pois onde eu morava nem calçada tinha pra dar um rolê! Depois a minha carteira de motorista que venceu… minha fofa nunca me fez passar por nada horrível, sempre me dei bem com ela, mas depois de tanto tempo e de tanta coisa acontecendo, o clima começou a pesar, nada ver eu ficar lá.
      O clima pesou MESMO porque eles acharam que eu tava mentindo sobre a minha avó e meio que me ignoravam, faziam cara feia pra mim… e isso foi bem tenso. Eu tive uns stress lá porque eles diziam que eu não jantava com eles e ficava distante, meu fofo dizendo que tava cuidando muito da minha vida pessoal e deveria me preocupar mais com os kids (50 horas por semana não tava bom, tinha que ser à noite, sábado, domingo e feriados também)… enfim… mas tudo isso passou! Foram momentos!
      Eu sei da sorte que tive, gosto MUITO deles e tenho certeza que gostam muito de mim tb!
      Falo sempre com a minha host no Facebook e a gente se dá super bem! Talvez se eu tivesse lá até hoje não estaria tão bom assim… vai saber hahaha

      Não sei se vou contar dessas coisas dos EUA… até porque meu Halloween nem foi lá aquelas coisas. Eu levei as crianças pro trick or treat junto com os pais, eles tavam super chatas, tava nevando… foi bem chato, na verdade. Eu perdi uma festa por causa da neve, aí fui para uma super miada. O legal mesmo foi passar o Halloween no basement da Kainara assistindo filme de terror. Foi mara!
      E Natal foi o pior da minha vida, ganhei vários presentes, mas eu só chorei… haha legal mesmo foi passar a véspera com as brazucas comendo brigadeiro e tomando vodka com suco de laranja! :D

      Eu tb não lembro de tanta coisa :/ Acho que vou contar mais das viagens que fiz, das próximas aventuras na Alemanha, do casamento, essas coisas! Da época de Au Pair é difícil lembrar os detalhes, foram tantas coisas!!!

      Mas pode deixar que não vou deixar de escrever :)
      Beijão gataaa!

  8. Renata Martins   •  

    o post foi grande mas não foi suficiente pra mim, queria maaais!

    que legal você continuar próxima da sua HF, fiquei emocionada lendo o post (sou muito besta,rs)

    Eu meio que to na mesma situação da Marina, to me preparando pra ser au pair desde 2010/2011

    e finalmente dei entrada e fiquei online essa semana!

    e to na fase do medo de me ferrar, really bad! mas esse post me deu esperança, e me fez pensar mais positivo! óbvio que não vai ser fácil, mas espero que de tudo certo! torça por mim!

    Beijos Bia!!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      oiiii Renata!
      Pode parar com esse medo… você pode acabar se ferrando ainda mais ficando aqui, fala sério, esse país tá indo pro buraco!!!
      Vai lá tentar a vida, aprender uma língua nova, fazer amizades, se ferrar e aprender! Depois você volta e vê o que faz! Pronto, falei direta e reta hahahaha
      Torço MUITO por você, tenho certeza que vai dar super certo!!!
      Boa sorte :**

  9. Mariana   •  

    Oláá Bia, tdo beem?
    Primeiramente, parabéééns pelo noivado! *___* parece um sonho mesmo!

    Já leio há algum tempo o blog, e é a primeira vez que estou comentando!
    Estou pensando em fazer esse programa de aupair, amo crianças e faço alguns serviços voluntários por aqui! Porém com bebês não tenho muita experiência e tenho medo! E meu inglês também é péssimo. :(
    Estou pensando em ir um tempo antes pra fazer um curso de inglês e depois disso tentar o aupair. Você acha que daria certo já fazer tudo de lá!? Ai como sou medrosa. T__T

    Mas seus posts tão me dando cada vez mais coragem, agradeço muito por isso! :)

    Beijoooos, que tudo de mais lindo continue acontecendo pra você! <3

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oii Mariana!
      Muito obrigada!

      Não sei se daria certo por causa do seu visto!
      O visto de Au Pair é diferente e pra consegui-lo, você precisa de uma documentação específica!
      Por que você não tenta contatar uma agência de Au Pair de lá primeiro pra ver como funciona?
      O mais garantido é você fazer um curso de inglês primeiro, voltar pro Brasil e depois tentar o Au Pair daqui mesmo… mas acho que você vai gastar uma grana absurda!!! E esses cursos de inglês custam bem caro!!!
      Tenta dar uma estudada aqui, ou em escola ou por conta e vai tentando o Au Pair paralelamente! Aí você estuda quand ochegar lá! Só deixe claro pra família que seu inglês não é tão bom… algumas são super abertas a ajudar :)

      Boa sorte!!

  10. wendy   •  

    olha, eu estava na expectativa a mil por esse post e, confesso, chorei! IMAGINA SÓ, depois de tudo que você passou, tudo que você viveu, passa um filme naa cabeça, né Bia? E todo esse amor deles por você, de você por ele…tudo muito lindo! Tô emocionada, de verdade! <3

    Fico daqui de longe te desejando tudo de mais lindo que há nessa vida e que esses encontros entre vocês possam se repetir (((:

    besos

    • Beatriz Morgado   •     Author

      muiiiito obrigada, wendy :)
      já não vejo a hora de visitá-los de novo!

  11. Bianca Mauro   •  

    Biaaaaa!!!

    Vc nao tem noção de como chorei lendo esse post!!! Que saudade dos pentelhos. Foi muito bom os dias que passamos juntas la, que pena q foi pouco tempo! Eu achava q ia ficar com ciumes das kids com vc ou vc com ciumes delas comigo, mas nos entendemos tão bem que parecia q nos conheciamos a anos!!
    Estou tao empolgada q vc vai pra Alemanha!! Eu conto sua historia pra minha familia inteira. Quero te ver antes de vc partir!

    Bjss

    PS: quem sabe agora tbm fico famosa ja q tenho uma foto minha no seu blog kkkkkkkkkkkkk

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oiii Bi!
      Ah foi uma delícia mesmo!!! Você é uma fofa, uma menina realmente especial que fiquei muito feliz de conhecer!
      Vamos tentar nos ver!
      Sábado vou pra casa da Kainara! Podemos fazer algo domingo, né? Só volto domingo a noite pra Campinas!
      Vamos nos falando!

      E agora você já tá famosíssima, huaahuauhahuahua
      Beijo lindona, saudades!

  12. Maísa L.   •  

    Oii, tudo bom ?? Primeiramente queria dizer que agora tomei vergonha na cara pois li todos os teus post e nunca comentei!! u_u Mas agora é diferente!! hahahaha No início do ano eu tava com a ideia de ser au pair e procurei saber mais sobre tudo, até que encontrei os teus relatos e isso se tornou o meu sonho!! Tem muitos blogs legais, porém o seu é o mais completo que encontrei, você falou dos momentos bons, dos de dificuldade e realmente contou pra nós coisas pessoais porque realmente estava aberta a isso, acho que por isso você conquistou tantas leitoras, e também porque você escreve divinamente bem! haushuahs Li todos os teus posts, do primeiro até o da despedida em 2 dias!! Tenho que dizer que não sei como consegui kkkkkk Ai você não postou mais e procurei ver outros blogs e tal, ontem eu bem de boa procurando e quando vejo!!!! NÃO ACREDITEI, você tinha voltado a postar!!! Eu fiquei MUITO feliz!!! E quando soube do rumo da sua novela novela mexicana-britânica ai que eu fiquei MAISSS feliz !!!! Parabéns!! hahahaha Eu parecia uma boba lendo suas estórias!! coisas do tipo ” não acredito nisso”, ” é isso ai não abaixa a cabeça”, ” eles são muito fofos juntos”!! hahahaha Torci muito pelo seu sucesso e ainda torço, de toda forma obrigada por compartilhar suas maravilhosas esperiências com suas leitoras!! Não abandona o blog pfv :(( Escrevi quase uma carta de mil linhas, desculpa kkkkkkkk Que Deus te abençoe e guie teus passos, você é iluminada!!! Beijoo

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oiii Maísa!
      Nossa, que comentário lindo :)
      Fiquei super feliz, até li para as meninas do trabalho!
      Dei muita risada com as suas interjeições lendo os posts, principalmente com o \”é isso ai não abaixa a cabeça\”, hahahahahahaha
      Fico feliz que você tenha caído por aqui ao acaso novamente!
      Não vou abandonar o blog, prometo! Só tem épocas que fica mais difícil tirar um tempinho pra escrever, mas não quero parar jamais!!!
      Muito obrigada por comentar aqui, fiquei super contente!!!
      Beijão!

  13. Debora   •  

    hahahaa adoreiiiiii!!! Nunca fui au pair, amém, mas consegui vivenciar o que seria este estado de espírito através dos seus posts hahaha. Digo amém porque não teria muito saco para tal sabe? nada contra, inclusive tenho amigas que já foram hahaha, mas sério, não é pra mim!

    Mas uma coisa que temos muito em comum é o péssimo gostoo pra comer tranqueira. Vi a foto dos cookies que vc comprou, esses da caixa azul com um plástico na frente sabe? Não lembro a marca, mas me lembro de me empanturrar com eles por noites!!! Ainda consigo lembrar a queimação no meu estômago depois de comer qse a caixa toda hahaha ô alegria!!!! Fora que a caixa vem com 8765343 cookies e vc paga 2,99 doletas! Coisas que só os USA podem fazer por vc!! <3 <3

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Nossa que delícia jesus! Não tem coisa melhor que uma boa caixa de cookies por 3 doletas!!!
      Eu até que não comia muito essas coisas quando morava lá, acho que acabei enjoando!! Mas quando voltei pro Brasil, senti uma faltaaaa!!!
      USA manda muito bem nessas tranqueiras, fala sério!

  14. Bruna   •  

    oi td bem? estou indo para os eua trabalhar como babá por conta própria(sem Agência)encontrei uma “family”.Eles estão me pedindo os seguintes documentos:cópia de digitalização de passaporte internacional ……………..
    Cartão de identificação cópia varredura ……………………..
    1 fotografias tamanho passaporte.A mãe das crianças disse:”família será encarregado dos projetos de lei de processamento de seu
    pedido de visto e documentos de trabalho, incluindo passagem aérea
    bem”.E falou que vai se encarregar de agilizar ela própia da documentação para eu levar a embaixada.Minha pergunta é:é seguro eu mandar isso que ela me pediu?,realmente eles podem agilizar os documentos para eu solicitar o visto na embaixada?ou eu mesma que tenho que fazer tudo sozinha e eles estão me enganando.Me ajude por favor,abraços!

    • Beatriz Morgado   •     Author

      Oiii Bruna!
      Eu acho que é normal sim, só estranhe se te pedirem pra pagar qualquer coisa ou enviar QUALQUER quantia em dinheiro ou dados bancários!
      De qualquer forma, te aconselho a encontrar alguém que já foi sem agência para entender melhor o processo! Eu acho pouco seguro fazer tudo isso sem ter nenhuma agência para dar suporte!
      Boa sorte!
      Beijão!

  15. BRUNA   •  

    Obrigada por me responder.

    Minha host family me pediu isso:cópia de digitalização de passaporte internacional e Cartão de identificação cópia varredura.o o que significa?porque nunca fiz uma viagem internacional.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *